Ceni joga decisão sobre São Paulo priorizar competição na mão da diretoria: 'Eles escolhem'
Rafael Ribeiro
Ceni joga decisão sobre São Paulo priorizar competição na mão da diretoria: 'Eles escolhem'


Depois de perder de virada para o Palmeiras , já nos acréscimos, o São Paulo vai usar os três dias até o novo clássico contra o rival alviverde, que será disputado na quinta-feira (23), novamente no Morumbi, mas pelas oitavas de final da Copa do Brasil, para decidir se vai priorizar ou não alguma competição em seu apertado calendário.


E a tônica da discussão foi iniciada pelo próprio Rogério Ceni. Nos vestiários do Morumbi, o treinador apontou que a decisão sobre quem escalar no duelo de quinta ficará a cargo da diretoria e não dele.

- Quarta-feira (22), a gente vê o que é possível fazer para termos um bom jogo (na quinta). O que a direção topar, tem que botar tudo, vamos botar tudo. Aí depois nós vemos o que dá para fazer mais à frente. Mas não depende só de mim, pode ter certeza - disse o treinador.

O Tricolor tem ao todo oito jogadores contundidos (Alisson, Sara, Nikão, Colorado, Caio, Talles Costa e Luan), além de Moreira, defendendo a seleção sub-18 de Portugal.

Fora isso, o Choque-Rei de segunda expôs a crítica situação física de algumas opções, como Calleri e Patrick, que estavam exaustos.

- Eu não sei nem o físico do que vamos trabalhar para quinta-feira. O grupo todo nosso estava aí hoje (em campo ou no banco), todo mundo. Ninguém do que temos à disposição entre os atletas de linha ficou de fora. Temos que escolher: quer arriscar tudo quinta-feira, vamos arriscar. E depois veremos como será contra o Juventude (jogo do próximo domingo, no Morumbi, pelo Brasileirão). É jogo de três em três dias, não tem muito segredo.

TABELA
> Confira jogos, classificação e simule resultados do Brasileirão-22
> Conheça o novo aplicativo de resultados do LANCE!

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários