Lucas Piazon celebra vitória e retorno como titular: 'Me sinto preparado para lutar pelo Botafogo'
Lance!
Lucas Piazon celebra vitória e retorno como titular: 'Me sinto preparado para lutar pelo Botafogo'


O triunfo do Botafogo sobre o São Paulo foi importante para a equioe sair da zona de rebaixamento e aliviar a pressão. Porém, foi essencial também para um jogador que não vinha sendo utilizado: Lucas Piazon. O atleta não era titular desde a estreia na competição contra o Corinthians, quando Luís Castro ainda não estava à beira do campo.

- O começo foi difícil. Eu fiquei janeiro, fevereiro e março praticamente parado com uma lesão. Quando cheguei ao Botafogo, tive pouco tempo de treino e já tive que jogar. Confesso que foi difícil porque não me sentia bem fisicamente. Mas hoje me sinto pronto, preparado, bem fisicamente para correr os 90 minutos. Hoje tive que sair um pouco antes porque deu um pouco de câimbra. Mas é isso, hoje me sinto preparado para lutar pelo Botafogo - disse, e emendou:

+ Confira e simule a tabela do Campeonato Brasileiro

- Representa muita coisa para a gente (a vitória sobre o São Paulo). Sabemos que não estávamos ganhando, vínhamos de quatro derrotas seguidas e precisávamos pontuar. A gente deu tudo dentro de campo para sair com a vitória - completou.

Ao ser perguntado sobre a formação com três zagueiros, Lucas Piazon ressaltou que está habituado a este estilo de jogo e disse que a defesa ficou mais protegida. Ele também disse que o Alvinegro teve uma atuação sólida diante do Tricolor Paulista.

- Particularmente, eu gosto dessa formação. Venho jogando assim nos últimos dois, três anos da minha carreira. É uma formação que me sinto confortável. Acho que o time foi bem. Defensivamente fomos sólidos. Sabíamos quando e onde pressionar, sair em transição e estamos felizes com a vitória. Mas tem muita água para rolar ainda - frisou.

Por fim, o meio-campista comentou sobre a invasão ao Espaço Lonier, local onde o Botafogo tem realizado seus treinamentos. Ele frisou que os torcedores foram respeitosos com ele na entrada do local e apenas cobraram mais empenho.

- A invasão foi ontem, bem recente. PAra falar a verdade, com os torcedores que tive contato, foram até respeitosos. Quando eu estava chegando para treinar, alguns me abordaram, e tivemos uma conversa rápida. Eles não foram ofensivos, só pediram empenho para a gente correr em campo e foi o que aconteceu hoje - opinou.

+ ATUAÇÕES: Kayque marca o gol da vitória, e Joel Carli comanda defesa do Botafogo contra o São Paulo

O próximo compromisso do Botafogo está marcado para domingo, às 18h, contra o Internacional, no Beira-Rio. O confronto será válido pela décima terceira rodada do Brasileirão.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários