Grappling Brasil Championship 2022 é um verdadeiro sucesso, e presidente projeta resto do ano
TATAME
Grappling Brasil Championship 2022 é um verdadeiro sucesso, e presidente projeta resto do ano


Realizado no último fim de semana, no Clube Municipal da Tijuca, Rio de Janeiro, o Grappling Brasil Championship 2022 foi mais um evento de sucesso organizado pela Confederação Brasileira de Luta Livre Esportiva (CBLLE). Reunindo centenas de atletas e algumas das principais equipes da modalidade, o torneio teve como grande campeã a Angra Top Team, que venceu no infantil, juvenil e feminino, e no adulto.

No infantil, juvenil e feminino entre as equipes, a Fight Squad ficou em segundo lugar, com a Team Infinity Luta Livre em terceiro. Já no adulto, a segunda posição foi da Bronx Wrestler Team, com Cados Team fechando o pódio.

* Veja AQUI os resultados completos

Faixa-vermelha de Luta Livre e presidente da CBLLE, João Bosco fez um balanço do Grappling Brasil Championship e exaltou o foco da entidade nas crianças: "Estamos investindo cada vez mais nas crianças, e de seis anos pra cá, quando decidimos criar e legalizar a CBLLE, agora temos uma porta para as pessoas baterem, reclamar, ter uma atenção, além de disputar os campeonatos. Hoje eu vejo as crianças aqui lutando, algo que não existia nos anos 80, e isso me deixa muito feliz", disse João, que prosseguiu:

"Estamos realizando cinco, seis eventos por ano, durante a pandemia ocupamos esse espaço com cursos, mas já retomamos com tudo. Desde a volta, fizemos um total de seis eventos, sendo quatro em 2022, e ainda teremos o International Cup de Luta Livre e o Campeonato Estadual, entre muitas outras novidades. Fiquem ligados".

Para seguir trabalhando e evoluindo, a CBLLE tem o importante apoio da Secretaria de Esporte e Lazer do Rio de Janeiro e de Marcelo Bertolucci, faixa-vermelha e Delegado Federal, que falou sobre sua parceria com João Bosco e a relação histórica com a TATAME.

"Eu tenho apoiado há bastante tempo trabalho do Bosco à frente da Confederação. Sou Delegado Federal, com experiência em segurança pública, mas também sou do esporte, pois fui atleta, construí minha vida com os ensinamentos e doutrina das artes marciais. Ajudei a Confederação na construção de um relacionamento com o Governo do Estado do Rio e com a Secretaria de Esporte e Lazer, as quais acreditam muito no trabalho do esporte amador através das artes marciais", disse Marcelo, que completou:

"Em relação ao Grappling Brasil Championship 2022, o Clube Municipal permite uma estrutura menor, diferente das Arenas Olímpicas do Rio, local onde a CBLLE já realizou outros eventos. Ainda assim, a etapa estava muito organizada e estruturada, com faixas-preta de outros países da América do Sul, alunos do Alexandre Pequeno, e também a participação de muitas crianças e adolescentes, mostrando a renovação do esporte".

Por fim, Marcelo ainda relembrou um episódio com a TATAME, há cerca de 16 anos: "Sou fã da Revista TATAME! Em 1996, quando fui lutar no Japão com uma grande equipe de Luta Livre - liderada pelo Mestre Marcelo Mendes -, recebemos apoio da galera do Jiu-Jitsu através do Carlson Gracie, Wallid Ismail, entre outros, e a TATAME estava fazendo a cobertura. Sempre acompanhei o trabalho de vocês, muito importante para o esporte", encerrou.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários