Ídolo holandês escolhe preferido entre Messi e Cristiano Ronaldo e define top 3 da história
Lance!
Ídolo holandês escolhe preferido entre Messi e Cristiano Ronaldo e define top 3 da história


Messi e Cristiano Ronaldo travaram o maior duelo individual da era moderna do futebol. Se antigamente a discussão era sobre Pelé e Maradona, o argentino e o português roubaram os holofotes neste século e dividiram opiniões durante anos.

Em entrevista ao jornal italiano "Corriere Dello Sport", o ex-jogador Marco Van Basten não parece ter dúvida quanto a esta discussão. Considerado um dos maiores ídolos da Holanda, o craque holandês elogiou Cristiano Ronaldo, mas não titubeou ao escolher Messi.

- Cristiano é um grande jogador, mas quem diz que ele é melhor que Messi não sabe nada de futebol. Ou é isto ou está falando de má fé. Messi é único. É impossível de imitar e impossível de repetir. Um jogador como ele aparece a cada 50 ou 100 anos - disse.

+ Brasileiro é indicado ao Prêmio Golden Boy 2022: lembre os jogadores que levaram a honraria desde 2003

Um dos grandes ídolos do futebol holandês, Van Basten montou o seu top 3 da história e, é claro, não deixou de fora a maior referência do esporte em seu país: Cruyff. O ex-jogador colocou o compatriota na lista ao lado de Pelé e Maradona e deixou Messi e Cristiano Ronaldo de fora.

- Pelé, Maradona e Cruyff são, para mim, os três maiores jogadores da história. Quando criança, eu queria ser como Cruyff. Ele era meu amigo. Pelé e Maradona também foram incríveis. Messi também é um jogador magnífico, mas Maradona sempre teve mais personalidade em um time - destacou.

Marco Van Basten foi um dos melhores jogadores durante o anos 1980, tendo sido três vezes eleito o melhor do mundo. Revelado no Ajax, foi tricampeão holandês e fez história no clube, antes de se transferir para o Milan. No Rossonero, foi bicampeão da Liga dos Campeões e tricampeão italiano, além de duas vezes campeão do Mundial de Clubes.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários