Árbitro voltará a apitar jogo do Corinthians quase um ano após ser pressionado por dirigentes do Timão
Fábio Lázaro
Árbitro voltará a apitar jogo do Corinthians quase um ano após ser pressionado por dirigentes do Timão


O árbitro Marcelo de Lima Henrique voltará a apitar um jogo do Corinthians 11 meses depois de ser contestado fortemente por dirigentes do clube alvinegro em plena Neo Química Arena.

+ GALERIA - Jogadores da base que mais ganharam chances com VP

+ TABELA - Confira e simule os jogos do Corinthians no Brasileirão

No dia 4 de julho de ano passado, o escolhido para apitar o jogo entre Cuiabá e Timão, nesta terça-feira (3), pela 10ª rodada do Brasileirão, marcou uma penalidade para o Internacional no fim do primeiro tempo, que foi convertida pelo meia Edenílson, do Colorado. A questão é que no lance em que sofreu a infração dentro da área, cometida pelo atacante corintiano Jô, o zagueiro Victor Cuesta, então no time gaúcho, hoje no Botafogo, estava em posição de impedimento.

O lance foi checado pela arbitragem de vídeo durante quatro minutos na ocasião, mas a marcação de Marcelo foi mantida.

Ainda na descida de acesso aos vestiários no intervalo, o presidente corintiano, Duílio Monteiro Alves, e o gerente de futebol, Alessandro Nunes, foram até o árbitro e conversaram de forma efusiva sobre a marcação.

Após esse episódio, Marcelo de Lima Henrique não apitou um jogo envolvendo o Corinthians, o que voltará a acontecer nesta terça-feira (7), às 21h30, na Arena Pantanal, no Mato Grosso.

Foram 13 jogos de Brasileirão em que o profissional do apito trabalhou desde a polêmica com o Timão, mas nenhum deles teve o Corinthians envolvido.

Mesmo carioca, Marcelo de Lima Henrique se integrou a Federação Cearense de Futebol, após ser convidado a deixar a Ferj no ano passado, por conta da idade. Marcelo completará 51 anos em agosto, e a CBF permite árbitros em atividade até 55 anos.

Contra o Cuiabá, Marcelo apitará na carreira o seu 28º jogo envolvendo o Timão. O retrospecto é de 12 vitórias corintianas, cinco derrotas e 10 empates.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários