Bustos vê melhor Santos em momento de maior jejum de vitórias
LANCE!/DIARIO DO PEIXE
Bustos vê melhor Santos em momento de maior jejum de vitórias


O Santos fez uma boa partida, mas ficou no empate em 2 a 2 com o Athletico-PR na noite deste sábado, na Arena da Baixada, em Curitiba. Foi o quarto jogo seguido do Peixe sem vitória, a maior série desde a chegada do técnico Fabián Bustos.

O treinador estreou contra o Fluminense-PI, pela Copa do Brasil, e ficou três jogos sem vencer no início de trabalho (empates contra Fluminense-PI e Ferroviária e derrota para o Palmeiras). A primeira vitória saiu na partida contra o Água Santa, na última rodada do Paulistão. Desde então, o Santos não ficou mais de dois jogos sem vitória.

Apesar do jejum, o técnico Fabián Bustos elogiou a equipe nas últimas partidas e afirmou que o Santos é um outro time na temporada.

- O que mais eu gosto é que a equipe que éramos quando chegamos, que fomos quando começou o Brasileirão, começamos a mostrar o trabalho, hoje somos uma outra equipe, somos uma equipe competitiva. Apesar de não ter ganhado do Palmeiras, fizemos um grande jogo e merecíamos mais. O ponto mais alto é que hoje competimos com os de cima, com o Palmeiras, com um grupo de equipes acima e sentimos que estamos a par. Não podemos perder a humildade, temos de manter os pés no chão, mas acho que assim não vamos olhar para a parte debaixo - afirmou o treinador após o empate contra o Athletico-PR.

O Santos terá a chance de quebrar o jejum na próxima quarta-feira, diante do Internacional, na Vila Belmiro. Os ingressos para a partida já estão à venda.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários