Felipe Melo, do Fluminense, faz gesto de arma após ser chamado de bandido por torcida do Juventude
Lance!
Felipe Melo, do Fluminense, faz gesto de arma após ser chamado de bandido por torcida do Juventude


Durante a derrota do Fluminense para o Juventude , em Caxias do Sul, o volante Felipe Melo discutiu com torcedores do alviverde ao ser chamado de "bandido" após entrada em Chico. Em seguida, o jogador respondeu com "gesto de arma", no campo alagado do Alfredo Jaconi.

Em um jogo com gramado encharcado, o atleta entrou em campo após o intervalo e participou de algumas jogadas, que geraram discussão. Ele chegou a acertar o braço no rosto de Vitor Gabriel, que ficou sangrando. Porém, o árbitro considerou o lance normal, sem intenção de acertar o adversário.

+ Confira e simule a tabela do Campeonato Brasileiro

Os dois jogadores se envolveram em outro lance, quando o volante tricolor reclamou de uma cama de gato feita pelo atacante alviverde. Nesta jogada, o árbitro Jefferson Ferreira de Moraes, de Goiás, também não mostrou o cartão.

No entanto, aos 21 minutos, Felipe Melo deu uma entrada mais dura em Chico e recebeu o cartão amarelo. Neste momento, a torcida do Juventude começou a gritar e fazer coro de "bandido, bandido, bandido". O volante respondeu fazendo gesto de arma, o que chamou atenção.

+ Ganso, do Fluminense, critica CBF e cita condições do gramado: 'Não pode ter jogo em um campo desses'

O próximo compromisso do Tricolor no Brasileirão será na quarta-feira, às 21h30, contra o Atlético-MG, no Maracanã. O jogo será válido pela décima rodada do Campeonato Brasileiro.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários