Nadal se vinga de Djokovic, vence batalha épica e vai à semifinal de Roland Garros
TÊNIS NEWS
Nadal se vinga de Djokovic, vence batalha épica e vai à semifinal de Roland Garros


Em uma partida épica na Philipp Chatrier, a principal quadra de Roland Garros, Rafael Nadal fez valer a alcunha de "Rei do Saibro" contra Novak Djokovic. Nesta terça-feira, o espanhol derrubou o número 1 do mundo por 3 sets a 1, com parciais de 6/2, 4/6, 6/2 e 7/6(4), e garantiu vaga nas semifinais do Grand Slam francês, em uma batalha de 4h12 que terminou na madrugada francesa.

GALERIA: Data Fifa vai tirar 23 jogadores do Brasileirão: veja a lista e quais jogos os atletas serão desfalques


De quebra, Nadal se vingou de uma derrota para Djokovic na semifinal do torneio de 2021. O espanhol emplacou sua 29ª vitória em 59 partidas no confronto direto com o rival e a oitava no torneio francês em dez partidas.

Nadal já vinha de uma partida arrastada de cinco sets contra Felix Aliassime nas oitavas de final (4h21). Ele segue em busca do sonho do 14º título em Roland Garros e o 22º de Grand Slam. Foi o 12º triunfo consecutivo de Rafa em Majors, já que ele venceu o Australia Open no início do ano.

Na semifinal, Nadal, que soma 110 vitórias e apenas três derrotas desde 2005 em Roland Garros, irá encarar o alemão Alexander Zverev, número 3 do mundo, que derrotou Carlos Alcaraz. A partida será na sexta-feira.

Rafael Nadal

Nadal em ação contra Djokovic (Foto: Thomas SAMSON / AFP)

O JOGO
Nadal começou muito bem a partida, firme com bolas fundas, usando bem o primeiro saque (62%) enquanto que o sérvio sacou apenas 48% e foi quebrado duas vezes para perder por 6/2 em 52 minutos.

O segundo set começou todo favorável ao espanhol que quebrou duas vezes, abriu 3 a 0 e saque. Eis que o número 1 ressurgiu das cinzas e após longos games devolveu as duas quebras e abriu 4 a 3. Nadal segurou o saque, deixou tudo igual, Nole confirmou e depois quebrou novamente com firmes devoluções para fazer 6/4 em um longo set de 1h24min.

Nadal foi ao vestiário no intervalo para o terceiro set e voltou mais ligado e mexendo bem a bola nos dois lados. Conseguiu a quebra de de zero no saque logo no primeiro game com erro de Nole. Rafa confirmou o serviço , abriu 2 a 0 e teve que salvar break-point no quarto game. Foi crucial pois ganhou confiança e quebrou novamente em game onde o sérvio tinha 30 a 0.

Desta vez com duas quebras de frente o espanhol não vacilou, abriu 5 a 1 e fechou por 6/2 com direita fora de Nole. Djokovic cometeu 16 erros não-forçados na parcial e bateu sete vencedoras. Nadal errou sete e aplicou oito winners.

No quarto set o sérvio começou mais firme, soltou seu jogo e logo abriu 3 a 0. Foi confirmando com mais rapidez e dava a pinta que teríamos um quinto set. Mas Nadal foi buscar a quebra salvando dois set-points no 3/5 e conseguiu devolver a desvantagem com um winner espetacular. O duelo foi ao tie-break, Rafa abriu 6 a 1 e fechou com bola vencedora de backhand e vibrou.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários