Vinícius Júnior coroa ano perfeito com gol em final de Champions e está entre os melhores do mundo
Lance!
Vinícius Júnior coroa ano perfeito com gol em final de Champions e está entre os melhores do mundo


Vinícius Júnior coroou a temporada com a camisa do Real Madrid anotando o gol do título na final da Champions League. Com o aval de Neymar, o camisa 20 se coloca entre os melhores jogadores do mundo .

UM CHUTE, UM GOL
​No grande jogo do ano, o Real Madrid encarou o Liverpool em busca do 14ª título da Liga dos Campeões na história. Vinícius Júnior chegou como o principal coadjuvante do duelo, enquanto Karim Benzema, artilheiro da competição, atraía os holofotes.

No entanto, o jovem de 21 anos, que já havia acabado com os Reds nas quartas de final da Champions League na última temporada, ao marcar dois gols no confronto de ida em que a equipe espanhola venceu o duelo por 3 a 1, assumiu novamente o protagonismo.

O Liverpool dominou a primeira etapa, obrigou Courtois a realizar grandes defesas, mas Vinícius Júnior surgiu aos 13 minutos do segundo tempo e aproveitou uma finalização cruzada de Fede Valverde e completou para o fundo das redes com um único toque na bola.

DA RESERVA PARA O PÓDIO
​Vinícius Júnior iniciou a temporada como reserva no início da Era Carlo Ancelotti. Em um primeiro momento, o comandante italiano optou por iniciar o Campeonato Espanhol com Eden Hazard e Gareth Bale como companheiros de Benzema.

Na estreia contra o Alavés, Vinícius Júnior entrou na segunda etapa e anotou o 4º gol na goleada da equipe merengue. Já na segunda partida, o camisa 20 mudou o duelo contra o Levante com dois gols e garantiu o empate do time de Ancelotti por 3 a 3.

A partir de então, o técnico italiano se viu sem opções: Vinícius Júnior se tornava titular indiscutível da equipe. Apesar do protagonismo de Benzema, o craque da Seleção Brasileira brilhou e deve estar entre os cinco melhores jogadores do mundo nas listas das principais premiações.

Por conta da grande temporada, o ponta conquistou uma vaga cativa na equipe comandada por Tite. Devido aos bons desempenhos, Neymar teve que se adaptar em uma nova função para que o camisa 20 atuasse pelo lado esquerdo.

SE FOSSE A PREMIAÇÃO DO OSCAR
Se o mundo do futebol fosse como o Oscar no cinema, Vinícius Júnior conquistaria o prêmio de Melhor Ator Coadjuvante. Com 22 gols e 20 assistências na temporada, o jovem conseguiu superar as críticas que o acompanhavam nos últimos anos.

De desacreditado, inclusive no Brasil quando deixou o Flamengo para o Real Madrid, o atleta de 21 anos cresceu de produção sob comando de Carlo Ancelotti, aprimorou o fundamento da finalização e superou todas as expectativas na temporada e conquistou os holofotes no grand finale.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários