Melhorar desempenho longe do Morumbi é meta de Ceni para manter São Paulo com chances
Rafael Ribeiro
Melhorar desempenho longe do Morumbi é meta de Ceni para manter São Paulo com chances


Depois de perder a chance de liderar temporariamente o Campeonato Brasileiro com o empate em 2 a 2 com o Ceará , na noite deste sábado (28), em pleno Morumbi, o técnico Rogério Ceni tem o diagnóstico para o São Paulo seguir com o sonho de terminar a competição como título: melhorar o retrospecto fora de casa.

O Tricolor vinha de 12 vitórias seguidas em seu estádio neste duelo. Entretanto, fora dele, a coisa é pífia no Brasileirão: uma derrota e três empates. Ainda não venceu. E terá pela frente dois compromissos como visitante na sequência: Avaí e Coritiba.

- Quando você se distancia da liderança do Brasileiro, começa a abrir mais de três pontos, é preocupante - dependendo do que você tenha como objetivo no campeonato. Ideal é que você esteja na frente, na ponta da tabela, mas quando você passa a ficar distante disso, você passa a brigar por outras coisas. Por isso era importante hoje, nos manteríamos no máximo a dois pontos dessa liderança, que agora pode passar para quatro.

Se dizendo frustrado com o resultado e não com a equipe, Ceni foi irônico ao responder a pergunta feita por um jornalista que citou declaração de Josep Guardiola, técnico do Manchester City, da Inglaterra, para formular uma matemática para se chegar ao título. E revelou quais são os seus planos para se manter na ponta da classificação.

- Falar no City é mais fácil né (risos)? Eu acho que temos uma pontuação razoável. Mas a minha conta é a de que é favorito quem conseguir 16 pontos em oito jogos. Vai ter uma perspectiva melhor. Estamos atualmente a três pontos atrás dessa régua. Nós temos que melhorar esse desempenho fora de casa para pensar em título. Dez pontos em 12 em casa não é ruim, mas três pontos nos mesmos 12 fora de casa não dá pra chegar em título. Nós temos que aumentar essa pontuação. Sempre que conquistamos títulos foi com um aproveitamento de 80% em casa e 50% fora. Estamos longe disso. Por isso temos de melhorar para pensar em algo além.

Com o resultado desta noite, o São Paulo fica estacionado temporariamente na segunda posição da tabela, com 13 pontos. Deve cair degraus com o complemento da rodada neste domingo (29). A equipe volta a campo no próximo sábado (4/6), ante o Avaí, em Florianópolis (SC), às 19h (de Brasília). Para o confronto, o time não contará com Igor Gomes e Rafinha, suspensos, Arboleda, servindo a seleção equatoriana, e Gabriel Sara, contundido. Entretanto terá a volta de Alisson

- Maratona é isso que eu falo para vocês, que pode pesar para a gente no futuro. Logo vai começar jogo toda quarta-feira e final de semana. E a coisa vai complicar - completou Ceni.

TABELA
> Confira jogos, classificação e simule resultados do Brasileirão-22
> Conheça o novo aplicativo de resultados do L!

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários