Fase artilheira no São Paulo, 'papo' com Rogério Ceni e Copa do Mundo: Arboleda fala ao LANCE!
Gabriel Santos e Izabella Giannola
Fase artilheira no São Paulo, 'papo' com Rogério Ceni e Copa do Mundo: Arboleda fala ao LANCE!


A temporada vem sendo muito boa para o zagueiro Arboleda no São Paulo . Antes preterido no time titular, principalmente nos primeiros meses do ano, ele conquistou a confiança do técnico Rogério Ceni e vem em grande fase no clube em que, no mês de julho, completará cinco anos. Em entrevista exclusiva ao LANCE! , o zagueiro abriu o jogo e falou sobre diversos assuntos, desde a sua relação com Ceni, o dia a dia com os mais jovens e a Copa do Mundo de 2022, competição na qual o Equador se classificou e tem no camisa cinco do Tricolor uma das lideranças.

GALERIA
> ATUAÇÕES: Calleri volta a brilhar em clássico, e Ceni vai mal em substituições no São Paulo; veja notas

TABELA
> Veja tabela da Sul-Americana e simule os próximos jogos

Arboleda chegou no São Paulo em junho de 2017, vindo da Universidad Católica de Quito. Desde então, já são quase cinco anos de clube, período em que valoriza como um dos mais importantes na sua carreira.

- O São Paulo foi uma mudança muito grande na minha vida. Pessoalmente e profissionalmente falando. Desde o primeiro dia me senti abraçado pela torcida, pelo clube, pela direção, pelos treinadores. Aqui estou em casa, me sinto a vontade e gosto de receber o carinho dos torcedores. Nunca senti tanto carinho da torcida, como recebo aqui no São Paulo. Pode não parecer que tem tanto peso falar isso, mas é algo que me motiva todos os dias para dar o meu melhor - disse o defensor, que tem contrato até 2024.

Tanto período no São Paulo fez com que Arboleda se transformasse em um dos líderes do elenco. Neste ano, ele vem orientando os mais jovens, principalmente os zagueiros.

- Os meninos mais novos também ensinam muito. Olha o tamanho da evolução do Diego nos últimos anos, foi aprendendo e hoje é uma das referências da equipe também. Então é muito importante saber ouvir, do mais jovem ao mais velho, todos terão algo para explicar, ajudar. Para evoluir como profissional, precisamos ter a mente aberta ao aprendizado - falou Arboleda.

VEJA OUTRAS RESPOSTAS DE ARBOLEDA

FASE ARTILHEIRA
​- Treino muito, amigo. Muito. Sempre busquei ter boa impulsão nas bolas áreas e isso está cada vez mais evidente. Quero seguir trabalhando e melhorando cada vez mais isso. Primeiramente para defender e quando possível marcar meus golzinhos, é sempre bom (risos).

META DO SÃO PAULO PARA 2022
- A gente tem na nossa cabeça o tamanho da nossa capacidade e potencial, é necessário trabalhar em silêncio, sabemos das nossas ambições, mas deixamos com a gente. O que posso dizer é que dia após dia, jogo após jogo, vamos dar a nosso melhor pelo São Paulo.

CARINHO DA TORCIDA
​- É sensacional. Eu particularmente gosto muito desse carinho. O torcedor é o consumidor final de tudo isso, do nosso trabalho, do seu trabalho, do trabalho de todos. Ter o carinho do torcedor é inexplicável e gosto muito de receber isso.

ROGÉRIO CENI
- O Rogério é o maior ídolo da história do clube, todos os atletas tem chances, tem minutagem e cabe aproveitar da melhor forma possível. O Rogério sempre me falou internamente que não me contava como um reserva. O ano é muito longo, tem dois jogos por semana, o elenco precisa atuar, girar, pra todos estarem preparados. Quando a gente pensa primeiro na equipe, titular e reserva é algo secundário.

COPA DO MUNDO
- Minha primeira Copa do Mundo, confesso que estou ansioso (risos). Mas é passo a passo, até lá ainda tem tempo e preciso provar meu valor. Preciso atuar bem aqui no São Paulo para chegar no meu auge na maior competição de futebol que existe. Sempre sonhei com esse momento e quando chegar a hora quero desfrutar da melhor forma.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários