Histórico! Atlético-GO empata com a LDU e vai as oitavas da Sul-Americana
Futebol Latino
Histórico! Atlético-GO empata com a LDU e vai as oitavas da Sul-Americana


O Atlético-GO está nas oitavas de final da Sul-Americana. Frente a LDU, na cidade de Quito, o Dragão conseguiu o menor resultado que podia ao empatar por 1 a 1, ficando com a liderança do Grupo F tendo 13 unidades contra 11 do time do Equador.

>Técnico apresentado no United, Vidal negocia com time brasileiro…

NA BASE DA PERSISTÊNCIA

É bem verdade que o time equatoriano era quem comandava a posse de bola no plano ofensivo e procurava os espaços na busca pela abertura do placar, em muito pela necessidade que o confronto impunha. Diante de um Atlético bastante fechado e sem conseguir armar jogadas de contra-ataque, a LDU penava para obter chances mais claras, rondando a meta de Ronaldo mais do que levando efetivo perigo.

Porém, quando a equipe da casa conseguiu acertar a direção do gol em bom trabalho de passes, Hoyos recebeu bola vinda da esquerda, trocou para o pé esquerdo e soltou um petardo que foi no ângulo da meta do Dragão.

BUSCANDO EQUILÍBRIO

Depois de ser bastante pressionado no campo de defesa, aos poucos o Atlético-GO foi tentando (e conseguindo) aparecer também no ataque, mas parava nos erros cometidos quando do último passe, momento de colocar os nomes ofensivos em condições de finalizar. Diante desse cenário, a primeira etapa acabou efetivamente com a vantagem da Liga de Quito no marcador.

MUDANÇA PROVIDENCIAL

Bem diferente do que ocorreu no início da partida, o Atlético-GO subiu suas linhas e adotou uma postura agressiva na volta do intervalo, conseguindo boas chegadas pelo menos três boas chegadas onde faltava maior capricho (e uma dose de sorte, no corte meio atrapalhado de Ayala) para o Dragão chegar a igualdade na cidade de Quito. E, da mesma forma que ocorreu com a LDU, na base da frequência ofensiva e acuando o adversário, o time de Goiânia chegou ao desejado gol por intermédio de Baralhas. Na batida de escanteio, o meio-campista antecipou a marcação e testou para superar Falcón.

PRESSÃO DERRADEIRA

Como esperado, a Liga de Quito se lançou ao ataque de maneira um tanto quanto desorganizada e apostando, especialmente, em jogadas pelos lados de campo para usar a força aérea da equipe. Algo que, consequentemente, fez o time brasileiro recuar suas linhas e especular os possíveis espaços que apareceriam na defensa adversária que não apareceram, mas que pouco importaram diante do apito final que consagrou o Dragão.

FICHA TÉCNICA DA PARTIDA
​LDU 1 x 1 ATLÉTICO-GO

Local:
Estádio Casa Blanca, em Quito (EQU)
Data e hora: 24/05/2022 - 21h30 (de Brasília)
Árbitro: Gustavo Tejera (URU)
Assistentes: Nicolás Tarán e Martín Soppi (ambos URU)
Cartões amarelos: Angulo, Piovi, Alvarado, Nnachi, Jefferson Arce (LDU); Ramon Menezes, Jorginho, Airton, Edson, Hayner (ACG)
Cartões vermelhos:

GOLS: Hoyos (28'/1°T) (1-0), Baralhas (19'/2°T) (1-1)

LDU (Técnico: Luis Zubeldía)

Falcón; Quintero, Luiz Caicedo, Zaid Romero e Ayala; Piovi, Ortiz (Jefferson Arce, aos 31'/2°T), Angulo (Nnachi, aos 25'/2°T) e Alvarado (Bryan de Jesús, aos 43'/2°T); Hoyos e Molina.

ATLÉTICO-GO (Técnico: Jorginho)

Ronaldo; Hayner, Wanderson, Ramon Menezes (Baralhas, no intervalo) e Jefferson; Edson, Marlon Freitas e Jorginho (Edson Fernando, aos 34'/2°T); Shaylon (Airton, aos 36'/1°T), Wellington Rato (Rickson, aos 40'/2°T) e Léo Pereira (Churín, aos 36'/2°T).

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários