Veja por que Oyama se consolidou no meio-campo do Botafogo
Lance!
Veja por que Oyama se consolidou no meio-campo do Botafogo


Após seis rodadas, apenas um volante atuou em todas as partidas do Botafogo no Campeonato Brasileiro: Luís Oyama. O jogador, inclusive, foi titular em todos os jogos da competição até aqui. Por isso, abaixo, o LANCE! mostra por que o camisa 55 conseguiu se consolidar no setor de meio-campo do time de Luís Castro.

> Saiba quanto o Botafogo lucrou nos jogos em casa no Brasileirão

Assim como na campanha do título da Série B, Oyama tem sido um jogador consistente nesta temporada. Além disso, ele desempenha, com consistência, funções nos dois lados do campo - tanto no setor defensivo quanto no ofensivo.

Na defesa, Oyama já contribuiu com 12 desarmes, que é a segunda melhor marca do Botafogo - fica atrás apenas de Saravia, com 13. Além disso, ele lidera o time e o Campeonato Brasileiro (empatado com outros jogadores) em interceptações, com sete.

> Veja e simule a tabela do Brasileirão

Luís Oyama - Botafogo

Oyama retornou ao Botafogo neste ano (Foto: Vítor Silva/Botafogo)

Já no ataque, Oyama tem, empatado com Erison, a segunda melhor marca de passes para finalização do Botafogo, com cinco. O volante também tem bons números nos passes tentados. Com quase 90% de aproveitamento, ele acertou 185 - dessa forma, é o quinto melhor do time no quesito.

Cabe destacar, contudo, que apesar dos números, o técnico Luís Castro não pode usar o jogador na Copa do Brasil. Como Oyama já defendeu o Mirassol na competição, ele não pode ser aproveitado por Castro. Assim, só entrará em campo pelo Brasileirão em 2022.

Na expectativa de mais um desempenho consistente de Luís Oyama, o Botafogo volta a campo no próximo sábado, às 21h, para enfrentar o América-MG no Independência. O jogo é válido pela sétima rodada do Campeonato Brasileiro e terá transmissão em tempo real do L! .

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários