Berlusconi
Instagram
Berlusconi

O Ministério Público da Itália acusa Silvio Berlusconi, ex-sogro do atacante brasileiro Alexandre Pato, de dar festas sexuais que ficaram conhecidas como 'bunga-bunga', regadas a drogas e álcool com a presença de uma brasileira que na época dos eventos era menor de idade. O ex-premier italiano é ex-dono do Milan e atualmente é mandatário do Monza, time da segunda divisão de seu país.

Segundo a procuradora Tiziana Siciliano, em depoimento prestado nesta quarta-feira, a brasileira se chama Iris Berardi. Ela seria uma das menores de idade presente na festa. Atualmente a mulher está com 30 anos.

- É um fato comprovado que Iris frequentava a casa de Silvio Berlusconi como menor de idade. Era uma menina irreprimível, como só os jovens podem ser, comparável a Ruby - disse a procuradora.

(Veja fotos abaixo de Pato com a ex-namorada Barbara Berlusconi)

Ruby é uma ex-acompanhante marroquina do cartola italiano que ficou conhecida mundialmente após a divulgação dos conteúdos da festa onde Berlusconi se comportava como um "sultão". Segundo a procuradora, as mulheres eram contratadas para "animar sistematicamente as noites em casa com grupos de odaliscas e escravas sexuais".

Os advogados de Berlusconi alegaram que o cartola fazia os pagamentos apenas para ajudar as moças e que a acusação apelava para um "mau gosto" e para o "baixar o nível".

As investigações sobre a presença de menores de idade acontecem na Itália há mais de uma década. Em 2011, o jornal 'O Globo' publicou que ao menos seis brasileiras eram acompanhantes de luxo de Berlusconi.

Segundo uma "prostituta de luxo" identificada como Nadia Macri, em determinada festa a marroquina Ruby, que na época tinha 17 anos, ficou bêbada e tirou a roupa. Berlusconi também estaria nu.

- Ficamos todos juntos, rindo, brincando e nos tocando. Por fim, fomos a um quarto com uma cama de massagens. Berlusconi dizia 'venha a próxima, venha a próxima'. E a cada cinco minutos abríamos a porta e consumávamos o ato sexual. Uma por vez - contou a um programa de TV.

Silvio Berlusconi tem 85 anos e chefiou o Conselho de Ministros da Itália, sendo premier do país (uma espécie de presidente) por quatro momentos distintos entre 1994 e 2011.

Ele vendeu o Milan em 2016, após 27 anos no comando do clube, em meio aos escândalos. Neste período, o cartola montou o 'Esquadrão Imortal' do time italiano que contou com nomes como Kaká, Maldini, Dida, Shevchenko, Seedorf, Cafu, Gattuso, Pirlo e Inzaghi.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários