Thiago Rodrigues afirma que joga 'cada jogo como se fosse o último' e exalta torcida do Vasco: 'Me motiva'
Lance!
Thiago Rodrigues afirma que joga 'cada jogo como se fosse o último' e exalta torcida do Vasco: 'Me motiva'


O Vasco pode não ter tido uma grande atuação diante do CSA, mas a vitória foi importante para dar confiança e fazer com que a equipe encoste no G4 da Série B. O goleiro Thiago Rodrigues voltou a se declarar para a torcida cruz-maltina e agradeceu por todo apoio e carinho que tem recebido.

- É importante ter esse carinho. A cobrança também aumenta. No Vasco tem isso. Preciso passar essa tranquilidade que tenho para os demais jogadores. Conforme as vitórias vem, a torcida fica melhor conosco e as coisas vão acontecendo de forma natural. Agora é desfrutar dessa nossa vitória e seguir em frente para o próximo jogo - disse o arqueiro, que em seguida emendou:

+ Confira e simule a tabela da Série B do Campeonato Brasileiro

- Eu até me arrepio, não é demagogia. É algo que não tem preço. Eu queria tentar descrever e mensurar a sensação de um ser humano que entra em campo e consegue mexer e marcar algo no coração de alguém. Pode ganhar dinheiro, conquistar bens materiais, mas conseguir cravar o coração de um torcedor, uma família, uma criança com um sentimento especial, sobretudo de respeito. Não tem preço. Fico muito feliz, é um dos troféus que vou levar para a minha carreira e guardar com carinho. Quando entro em campo e vejo essa parte deles tendo essa reverência me motiva ainda mais mesmo com dores e lesões a dar o meu melhor pelo Vasco - completou.

O goleiro também destacou a importância do triunfo para a sequência da equipe na Série B. Ele classificou a Colina Histórica como 'terreno hostil' para o adversário e ressaltou que o Vasco tem que manter uma sequência de vitórias para se consolidar entre os quatro primeiros.

+ Palacios entra no lugar de Nene, melhora atuação do Vasco e cria 'dilema' para Zé Ricardo. Entenda!

- É cada jogo como se fosse o último. O cara que joga no Vasco e usa essa camisa tem que ir para as partidas como se fossem as últimas. Eu encaro dessa maneira. É final de Copa, Champions League. Cada jogo dentro de casa vamos fazer ser complicado para o adversário e como diz o hino, aqui é território hostil. Que a gente mantenha essa sequência de vitórias - finalizou.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários