Denílson demonstra indignação com novo caso de racismo na Liberta: 'Não passou nem 24h'
Lance!
Denílson demonstra indignação com novo caso de racismo na Liberta: 'Não passou nem 24h'


Um dia após o caso de racismo na partida entre Corinthians e Boca Juniors , o episódio se repetiu, na vitória do Palmeiras sobre o Emelec, no Equador. Alguns equatorianos apontaram para a torcida do Palmeiras e os chamaram de 'macacos'. Ex-jogador do time paulista, Denilson demonstrou indignação com o caso.

+ Demitido da Transamérica, Ronaldo Giovanelli fecha com outra emissora de rádio

- Falamos sobre isso ontem de manhã no programa e não passou nem 24 horas. Sabe o que vai acontecer? Nada. E os casos na mesma competição - disse Denilson, durante o 'Jogo Aberto'. Nesta Libertadores, torcedores de Fortaleza e Red Bull Bragantino também já foram vítimas de racismo. A apresentadora Renata Fan pediu punições para os criminosos.

+ Fabrício Werdum explica o 'Manual do Cagalhão' no UFC: 'Regras da academia'

- Só vai parar quando a Conmebol punir de verdade. Pegar um time como o Boca Juniors e o River Plate, tirando três pontos e aí sim. Os outros com medo das consequências desportivas vão coibir isso. Volto a repetir, o problema todo é a mentalidade, aquilo que você tem como educação, principio e valor. A pessoa não está nem aí e expressa, humilha e comete um preconceito. De novo e não vai parar pelo jeito porque tem muita gente assim - comentou Renata Fan.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários