Em 2021, Lewis Hamilton ficou em segundo lugar no mundial de Fórmula 1
Reprodução
Em 2021, Lewis Hamilton ficou em segundo lugar no mundial de Fórmula 1


Max Verstappen (confira galeria de fotos abaixo) ironizou o fato de Lewis Hamilton poder ser um dos novos donos do Chelsea . Horas após a notícia de que o inglês estaria disposto a fazer uma oferta pelos Blues se tornar pública, o piloto da RBR disse que achava que o heptacampeão da Fórmula 1 era torcedor do Arsenal e destacou que jamais compraria o clube rival.


Leia Também

- Eu achava que ele era torcedor do Arsenal… se é torcedor do Arsenal e vai comprar o Chelsea, isso é bastante interessante. Mas todo mundo faz o que quiser com o seu dinheiro, por isso vamos ver o que vai sair disso. Sou torcedor do PSV Eindhoven e nunca compraria o Ajax - disse Verstappen.

A proposta, vale frisar, não é apenas de Hamilton. Ao lado dele estão Serena Williams e Sir Martin Broughton. De acordo com o jornal "Mirror", da Inglaterra, o piloto e a tenista estão dispostos a contribuir com 10 milhões de libras (R$ 60,5 milhões) cada um.

- Se comprasse um clube de futebol, gostaria de ser o único dono para tomar minhas próprias decisões, não apenas ter uma porcentagem menor das ações - ressaltou o holandês.

A VISÃO DE HAMILTON

Já nesta sexta-feira, Lewis Hamilton falou pela primeira vez sobre o tema. Ele se mostrou empolgado em adquirir o clube inglês e destacou a conversa que teve por telefone com Sir Martin Broughton, que lhe explicou os objetivos da equipe, caso eles vençam a disputa pela compra dos Blues.

- Chelsea é um dos maiores times do mundo. Quando eu ouvi sobre a possibilidade, eu fiquei tipo "wow, isso é uma grande chance de fazer parte de algo grandioso". Sir Martin conversou comigo no telefone e explicou os objetivos para a equipe caso ele vença a disputa, foi incrivelmente empolgante e completamente alinhado com os meus valores - disse Hamilton.

Torcedor dos Gunners, o piloto inglês mostrou que não vê problema em comprar um rival. Ele contou histórias de quando era pequeno e revelou que foi a muitos jogos do Arsenal por ser fã, mas também do Chelsea, que é o time do tio.

- Sou um fã de futebol desde criança. Joguei no time da escola todo ano na infância e fui a vários jogos. Quando era jovem, eu queria me encaixar e as crianças torciam para diferentes times. Lembro de trocar várias vezes e minha irmã me socou e disse que tinha que torcer para o Arsenal, então virei torcedor. Mas meu tio Terry é fanático pelo Chelsea e eu fui a muitos jogos entre Arsenal e Chelsea com ele - explicou o piloto inglês.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários