Hoje não! Luan segue sem estrear sob o comando de Vítor Pereira no Corinthians
Fábio Lázaro
Hoje não! Luan segue sem estrear sob o comando de Vítor Pereira no Corinthians


Após quase um mês se recuperando de um problema no quadril, Luan voltou a ser relacionado pelo Corinthians , na partida contra a Portuguesa-RJ, nesta quarta-feira (20), pelo jogo de ida da terceira fase da Copa do Brasil , no Estádio do Café, em Londrina.

> GALERIA - Veja todos os técnicos estrangeiros do Corinthians
> TABELA - Confira os jogos da Copa do Brasil

No entanto, ainda não foi a vez em que o camisa 7 entrou em campo sob o comando do técnico Vítor Pereira, que está no Timão há pouco menos de um mês.

Mesmo com boa parte dos titulares nem sendo relacionados e alguns atletas da base sendo experimentados, o meia-atacante não teve o seu espaço durante o empate em 1 a 1 do clube alvinegro com a Lusa carioca.

Durante algum tempo, inclusive, alguns torcedores presentes na partida chegaram a gritar o nome de Luan, a fim da entrada do jogador, mas não tiveram o pedido atendido pelo treinador corintiano.

O camisa 7 do Corinthians tem menos de 90 minutos jogados nesta temporada.

O Timão fez 19 jogos, em quatro competições diferentes até aqui, em 2022, e o meia só esteve presente em três, sendo um como titular.

O compromisso em que o atleta iniciou jogando foi o empate em 1 a 1 do Corinthians contra o Botafogo-SP, em Ribeirão Preto, pelo Campeonato Paulista, no último dia 19 de fevereiro, jogando 71 minutos e sendo substituído aos 26 do segundo tempo.

Luan, inclusive, só jogou no Estadual. Além do duelo contra o Pantera, o jogador atuou sete minutos contra o Santo André e 11 diante do São Bernardo.

Contratado em 2020 com o status de grande reforço, o camisa 7 nunca rendeu o que era esperado, como entre 2016 e 2017, quando foi campeão da Copa do Brasil e Libertadores pelo Grêmio, foi um dos protagonistas da conquista da medalha de ouro olímpica, então inédita, com a Seleção Brasileira, e foi eleito Rei da América.

O meia foi contratado por R$ 28,9 milhões por 50% dos direitos, e tem contrato até dezembro de 2023.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários