Arbitragem de Wilton Pereira Sampaio gerou reclamações e ofício do Flamengo à CBF em 2020
Lance!
Arbitragem de Wilton Pereira Sampaio gerou reclamações e ofício do Flamengo à CBF em 2020


A CBF definiu, nesta segunda, Wilton Pereira Sampaio (Fifa/GO) como árbitro da partida entre Flamengo e Palmeiras , válida pelo Brasileirão nesta quarta-feira. A notícia gerou grande repercussão entre os torcedores rubro-negros, que lembraram da atuação do juiz no empate em 2 a 2 com o Internacional, em outubro de 2020, que gerou reclamações do vice-presidente de futebol Marcos Braz e até um ofício enviado pela diretoria da Gávea enviado à CBF na época.

Pela 18ª rodada do Brasileirão de 2020, o Flamengo empatou com o inter em 2 a 2, e deixou o Beira-Rio questionando a não marcação de dois pênaltis a favor do time então comandado por Domènec Torrent, em lances de supostos toques na mão de defensores do Colorado, os quais foram revisados pelo VAR.

Após a partida, o vice-presidente de futebol Marcos Braz ironizou a arbitragem de Wilton Pereira, afirmando que havia "perdido sua carteira no Beira-Rio" .

No mês seguinte, Wilton Pereira Sampaio voltou a ser escalado pela CBF para a partida do Flamengo contra o São Paulo, pela Copa do Brasil, o que motivou a direção rubro-negra a enviar um ofício à entidade discordando da escalação . A CBF, contudo, negou o pedido e manteve o árbitro na partida no Morumbi.

Leia Também

Após esses jogos contra Internacional e São Paulo, Wilton Pereira Sampaio já apitou três partidas do Flamengo: 1 a 1 com o Red Bull Bragantino, em São Paulo pelo Brasileirão de 2020, 5 a 0 sobre o Bahia, em Salvador, e 3 a 1 sobre o Palmeiras, em São Paulo, ambos pelo Brasileirão de 2021.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários