Após prejuízo de R$173 milhões em 2021, Globo culpa os direitos esportivos pela situação financeira
Lance!
Após prejuízo de R$173 milhões em 2021, Globo culpa os direitos esportivos pela situação financeira


No final de 2021, a Globo fechou o ano com um prejuízo de R$173 milhões. Apesar da emissora obter uma receita líquida 15% superior a de 2020, a companhia acredita que seus custos cresceram em virtude do atraso dos eventos esportivos durante a pandemia. A informação é do Notícias da TV.

Recentemente, a Globo vem perdendo competições como Libertadores, Fórmula 1 e Campeonatos Estaduais. Mesmo não obtendo esses custos, a emissora precisou arcar com os pagamentos adiados de 2020 para 2021. Portanto, somente na área de direitos de transmissão, a Globo teve um prejuízo de R$503 milhões.

A empresa chegou a entrar em acordo com a Fifa no ano passado por conta de uma dívida de R$426 milhões. Esse valor foi referente aos direitos de transmissão da Copa do Mundo no Qatar e outros eventos da entidade.

Apesar do prejuízo, a emissora passou uma mensagem para o mercado financeiro de que as contas estavam equilibradas e o lucro em alta. No primeiro ano da pandemia, a Globo chegou a ter uma receita de R$12,5 bilhões. Em 2021, os ganhos foram de R$14,091 bilhões.

De acordo com o relatório da emissora, os streamings estão em alta. A Globoplay teve um crescimento de 33% dos assinantes em relação a 2020. As receitas com publicidade da GCP também cresceram de um ano para o outro.

Segundo reportagem do jornal Valor Econômico, a Globo planeja investir cerca de R$6 bilhões em conteúdos neste ano. Na visão de Manuel Belmar, executivo da emissora, a situação da empresa atualmente é positiva.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários