Gio Queiroz relata abuso psicológico sofrido no Barcelona: 'Situações humilhantes e vergonhosas'
Lance!
Gio Queiroz relata abuso psicológico sofrido no Barcelona: 'Situações humilhantes e vergonhosas'


Um dos grandes nomes do Brasil no futebol feminino, a atacante Gio Queiroz usou as redes sociais nesta terça-feira para denunciar assédio no Barcelona. Em carta aberta ao presidente, a jogadora cita comportamento abusivo do clube para que ela não defendesse a Seleção Brasileira. Emprestada ao Levante, a atleta de 18 anos externou os momentos difíceis vividos no clube blaugrana.

+ Luva de Pedreiro conta origem dos bordões e agita a internet com participação na Globo

- Primeiro recebi indicações de que jogar pela seleção brasileira não seria o melhor para o meu futuro dentro do clube. Apesar do desagradável e persistente assédio, não dei muita importância e atenção ao assunto. Métodos arbitrários foram usados com o objetivo claro de prejudicar minha vida profissional dentro do clube - escreveu Gio Queiroz, antes de complementar revelando conduta de indisciplina de um dos diretores do clube:

+ Após episódio com Pogba, jogador do Manchester United é ameaçado com faca e também tem casa assaltada

- Foram situações humilhantes e vergonhosas durante meses dentro do clube. Ficou claro que ele queria destruir minha reputação, minar minha auto-estima, degradar minhas condições de trabalho, subestimar e subestimar minhas condições psicológicas. O fato de ser menor não parece ter sido um impedimento, um dilema moral para meu agressor. Certamente ele agiu com o sentimento de impunidade, que teve a proteção de sua posição dentro do Barcelona - concluiu a brasileira.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários