Fábio Costa relembra polêmica de pênalti não marcado em 2005: 'Choro é livre e segue o baile'
Lance!
Fábio Costa relembra polêmica de pênalti não marcado em 2005: 'Choro é livre e segue o baile'


No Campeonato Brasileiro de 2005, o goleiro do Corinthians na época, Fábio Costa, derrubou o volante Tinga, ex-Internacional, na área. No entanto, o árbitro não marcou pênalti, a partida acabou empatada e ajudou o time paulista na conquista do título naquele ano. O ex-arqueiro falou sobre o assunto no 'Arena SBT'.

+ Luva de Pedreiro conta origem dos bordões e agita a internet com participação na Globo

- O choro é livre e segue o baile - disse Fábio Costa após ser questionado sobre o lance durante o programa. Tinga foi expulso por simulação pelo árbitro Márcio Resende de Freitas, e disse que o Colorado foi 'assaltado' no jogo. O Internacional acabou vice-campeão daquele Campeonato Brasileiro, com três pontos atrás do time paulista.

+ Após episódio com Pogba, jogador do Manchester United é ameaçado com faca e também tem casa assaltada

Fábio Costa também somou longa passagem pelo Santos, e falou sobre o gol de cobertura que levou de Ronaldo Fenômeno, na final do Paulistão de 2009 contra o Corinthians: - É posicionamento de jogo, eu tinha essa função de jogar um pouco mais adiantado para fazer a cobertura do zagueiro. É um risco que pode acontecer - comentou.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários