Ícone do Beach Tennis em Pernambuco, José Peregrino, disputa o 2º Open de Boa Viagem e destaca benefícios do esporte
TÊNIS NEWS
Ícone do Beach Tennis em Pernambuco, José Peregrino, disputa o 2º Open de Boa Viagem e destaca benefícios do esporte


Um dos precursores do Beach Tennis em Pernambuco estará na disputa do 2º Open de Boa Viagem, torneio entre os dias 7 e 10 de abril que reunirá 1.000 atletas na Arena Boa Viagem, um dos cartões-postais do Recife (PE), com 12 quadras.

José Peregrino tem 75 anos e estava na primeira turma que praticou o esporte no estado, em 2016. Ele disputa a categoria 60+ na Dupla Masculina e a Dupla Mista C do torneio amador: "Estive na primeira turma do Beach Tennis Recife. Já entrei como o mais velho (na época tinha 69 anos); hoje tenho 75 e jogo todos os dias quando estou no Recife ou em João Pessoa", disse Peregrino que utiliza o Beach Tennis em prol de sua saúde e onde faz muitos amigos: "Joguei tênis desde mais novo. Por sugestão do meu irmão número dois (somos dez) que mora no Rio, parei o tênis e passei para o Beach Tennis. Amor à primeira vista - comprei rede e marcação para casa de Gravatá e para de João Pessoa. Quando vou para Rio e São Paulo , somente me hospedo perto de quadras de BT. Por minha sugestão, meu filho e nora, minha filha e genro hoje estão jogando. Um ponto muito importante tem sido a quantidade de amigos em todos os estados. E todos são pessoas fáceis de se aproximar. Qualquer esporte faz bem à saúde. O Beach Tennis não fica atrás: musculação e respiração são muito trabalhados".

"Não consigo pensar em outro esporte; estou praticamente aposentado (meu filho cuida dos negócios) e todos os dias levanto da cama às 5h15, preparo uma vitamina de banana e vou treinar/jogar. Quando volto (8:30/9:00) tomo um café da manhã “de estivador”", disse o entusiasta do esporte que mais cresce no Brasil contando com mais de 400 mil praticantes, pouco menos de um terço do mundo.

Pernambucanos desafiam favoritos no torneio profissional . Campeão de Grand Slam no tênis, Tiago Fernandes disputa competição

O torneio profissional masculino terá atletas de Pernambuco na busca pelo título. João Grassi atua com Luiz Barbosa, Fernando Albuquerque joga ao lado do alagoano Eurico Cahu e Erick Menezes, um dos precursores do esporte no estado , também atua. Outras duplas de Alagoas estão entre os fortes nomes como Pedro Consiglio, vice-campeão mundial juvenil com o Brasil no fim do ano passado, no Rio de Janeiro, atua ao lado de Paulo Consiglio. Tiago Fernandes, campeão juvenil do Australian Open do tênis em 2010, atuará com Flávio Victor. Os potiguares Gabriel Nóbrega e Diego Cadete estão entre os favoritos.

No feminino, destaque para a dupla de Joana Cortez, top 10 do mundo e ex-número 1, e a italiana Flaminia Daina, quarta do ranking. Elas serão desafiadas por nomes como a paulista radicada em Maceió, Agatha Wanderley, filha da medalhista de Bronze nos Jogos Olímpicos de Atlanta 1996, Ida, que vai atuar ao lado de Giovanna Pedrini, além da potiguar Carolina Gurgel que atua com Júlia Pacheco.

A competição tem premiação total de R$ 30 mil (R$ 15 mil para dupla masculina e R$ 15 mil para dupla feminina) no profissional e outras grandes premiações nas categorias amadoras.

Na categoria A haverá premiação de uma viagem mais a inscrição para Aruba para a disputa do tradicional torneio que é um dos maiores do mundo, em novembro. Para a categoria B haverá premiação de uma viagem mais inscrição para o Macena Open, na Praia do Francês, em Alagoas, que ocorre em agosto. Na Na categoria C a premiação é uma Raqueteira mais camisa, short, terno bola e mais três grips para cada dupla campeã. Para a categoria D uma raquete de beach tennis será dada para cada dupla campeã.

O 2º Open Beach Tennis de Boa Viagem conta com o patrocínio da Arena Boa Viagem Btg Pactual, da TNT Energy Drink, Fiori - A Jeep do Norte Nordeste e BET NACIONAL.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários