O que pensam os protagonistas sobre a ala esquerda do Flamengo, vaga em aberto no time do Mister Paulo Sousa
Lance!
O que pensam os protagonistas sobre a ala esquerda do Flamengo, vaga em aberto no time do Mister Paulo Sousa


Com a classificação para a decisão do Campeonato Carioca, com duas vitórias sobre o Vasco por 1 a 0, Paulo Sousa completou 12 partidas no comando do Flamengo , e já podem ser observados alguns padrões na equipe do Mister. A linha defensiva com três homens e a utilização de alas são duas delas. Se, na direita, Rodinei e Matheuzinho têm se alternado, o lado esquerdo não fica a cargo de laterais de ofício. Everton Ribeiro e Lázaro são as principais escolhas do Mister para a função por ora, o que deve se repetir nas finais do Estadual .

Em estágios diferentes da carreira, Everton Ribeiro, de 32 anos, e Lázaro, 20, oferecem ao treinador características diferentes, e, na provável ausência de Bruno Henrique , disputarão treino a treino a vaga de titular para as decisões marcadas para os dias 31 de março e 3 de abril. Abaixo, o LANCE! relembra o que os protagonistas, entre jogadores e técnico, a respeito da posição de ala.


COM A PALAVRA, PAULO SOUSA!

Desde a sua estreia, em 2 de fevereiro, o Mister deixou claro que faria testes e estaria apto a utilizar o mesmo atleta em mais de uma função dentro da mesma partida. É o caso de Everton Ribeiro, um dos capitães do Flamengo. O camisa 7, acostumado a atuar pela faixa central ou aberto pela direita, acabou na ala esquerda, e o treinador falou sobre a capacidade do experiente atleta:

- É um jogador que está acostumado a jogar em outra posição, pelo corredor direito, utilizando seu pé esquerdo para poder ter movimentos mais interiores. Dentro desta estrutura, temos três laterais pelo corredor direito de grande profundidade e com muita resistência em termos de alta intensidade. Seja em termos ofensivos ou transições, o que nos permite ter um jogador e rodarmos no jogo, com jogadores frescos - analisou Paulo Sousa, antes de emendar:

- Gosto de ver os melhores em campo e o Everton para mim é um jogador conhecedor do espaço e extraordinário. Sabemos que ele também pode nos ajudar em uma posição de meia. Inicialmente tomamos a decisão de atuar com ele mais aberto no corredor. Tem vários jogos que ele é importante para ele alimentar os jogadores. É um jogador que conto - afirmou em 7 de março.

Sobre Lázaro, que faz seu melhor início de temporada entre os profissionais , o treinador português destacou a disposição do meia-atacante em absorver as instruções passadas por sua comissão técnica no dia a dia de treinos, no Ninho do Urubu, e a intensidade em campo do jogador de 20 anos, formado no clube.

- É um jogador que tem entrado muito atento. Tem trabalhado muito bem, adquirido e seguido nossas indicações e por isso está recebendo as chances entrando ou começando. É um jogador como outros da base que temos referências. Quando chegamos, interagimos com pessoas da base para ter elementos e direcionar melhor o trabalho. Sem dúvidas, está super focado.

Leia Também

OS NÚMEROS DOS ALAS DO MISTER

Em 11 das 12 partidas, Everton Ribeiro ou Lázaro foram titulares. Nem sempre como ala esquerdo, vale ressaltar, uma vez que Bruno Henrique, quando à disposição, atuou nesta função. O camisa 27, contudo, teve um problema muscular no início da temporada e, agora, está tratando de uma luxação no ombro esquerdo. A tendência é de que fique fora das decisões do Estadual.

Como disse o próprio Mister, Everton Ribeiro está acostumado a atuar na faixa central ou aberto pela direita, e foi utilizado assim em algumas partidas neste ano. Até agora, o camisa 7 marcou um gol e deu uma assistência em 2022.

Já Lázaro - que iniciou o Carioca com o time alternativo - tem sido escalado mesmo de ala esquerdo. Na temporada, são dois gols e quatro assistências.

Em entrevista à FlaTV, a joia do Ninho falou sobre a importância do Mister no bom momento que vive, mas relembrou que já havia feito a função na base.

- Eu sei de algumas coisas (da função de ala esquerdo) pois joguei na base na posição. Tinha 15, 16 anos. Ainda tenho uma noção, mas a confiança do Mister Paulo Sousa tem me ajudado muito. Os movimentos do Arrascaeta, Bruno Henrique, Gabigol, também me ajudam bastante - destacou o camisa 13 do Fla.

ALTERNATIVAS E A VISÃO DE FILIPE LUÍS

Além de Everton Ribeiro, Lázaro e Bruno Henrique, outros nomes podem pintar como ala esquerdo nas decisões do Carioca e ao longo da temporada. Paulo Sousa também já escalou e elogiou Vitinho, que entrou na função e deu novo ritmo ao ataque do time na semifinal contra o Vasco, é uma opção importante.

A mudança de sistema de jogo também alterou a rotina de Filipe Luís. Não tão radicalmente, já que o camisa 16 domina o aspecto defensivo exigido pelo Mister , mas o lateral hoje tem atuado como terceiro homem da linha de defesa.

Mantendo sua importância na saída de bola e construção de jogo do Flamengo, Filipe Luís já analisou sobre a nova função dele e também do Everton Ribeiro.

- Bruno Henrique, Arrascaeta, Vitinho, Michael… Muitos jogaram pelo lado esquerdo do Flamengo, mas agora é o Everton. Eu falo para ele: por mais que não seja a posição favorita dele, mas ele me faz ser melhor. Porque quando você toca a bola e o jogador não perde, eu fico bem na fita – e continuou:

- Me sinto muito confortável com todos esses jogadores. O Arrascaeta não é novidade, tem uma qualidade absurda e está fazendo a diferença faz tempo. É um prazer jogar do lado deles todos – finalizou Filipe Luís em entrevista à FlaTV.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários