Jogador do Londrina acusa torcedor do Athletico Paranaense de racismo e regista B.O
Lance!
Jogador do Londrina acusa torcedor do Athletico Paranaense de racismo e regista B.O


O final de semana ficou marcado por mais um caso de racismo no futebol brasileiro. O lateral Samuel Santos, do Londrina, acusou um torcedor do Athletico Paranaense do crime no duelo entre as duas equipes. Logo após a partida na Arena da Baixada, vencida pelo Furacão, por 2 a 1, o atleta registou um Boletim de Ocorrência.

+ Neymar faz desabafo nas redes sociais após mais uma derrota do PSG

Assim que ouviu as injúrias raciais do torcedor Samuel Santos e outros jogadores confrontaram o homem na arquibancada. O árbitro Rodolfo Toski Marques relatou o caso na súmula: "Paralisei a partida após relato do jogador do Londrina Esporte Clube, senhor Samuel Santos, que o torcedor identificado como Carlos Alexandre Tonin disse em sua direção: "seu preto vera verão".

+ Após nova derrota para o Flamengo, Casimiro lamenta eliminação do Vasco e web não perdoa

- Estamos aqui nessa noite de domingo por que mais uma vez nos deparamos com caso de racismo no futebol. Nessa tarde de domingo, no estádio da Arena da Baixada, o atleta Samuel Santos, que está aqui ao meu lado, fora injuriado com expressões racistas pela torcida do Athletico-PR. Estamos aqui na delegacia para registar essa ocorrência e esperamos que uma denúncia como essa não fique impune - disse o advogado do Londrina, Eduardo Vargas, para o 'Observatório Racismo'.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários