ANÁLISE: Atuação fraca contra o Novorizontino expõe diferenças entre titulares e reservas do Corinthians
Rafael Marson
ANÁLISE: Atuação fraca contra o Novorizontino expõe diferenças entre titulares e reservas do Corinthians


Na vitória diante do Novorizontino , Vítor Pereira fez algo único em sua passagem no Corinthians : escalou um time alternativo pela primeira vez, priorizando a parte física dos titulares e dando oportunidade aos atletas com menos minutos em campo.

> GALERIA - Róger Guedes faz para o Timão contra o Novorizontino; veja notas

Dos considerados titulares das primeiras três partidas do treinador português no Timão, apenas Cássio e Gustavo Silva iniciaram em Novo Horizonte. VP promoveu a estreia de Robson Bambu, colocou Roni e Cantillo como volantes, e apostou em um ataque com Adson e Gustavo Silva nas pontas, e Mantuan centralizado.

O alvinegro paulista dominou a posse, mas pecou na circulação da boa. Com o Tigre recuado, o Corinthians não conseguia acelerar a troca de passes. Especialmente no primeiro tempo, os zagueiros e laterais trocavam muitos passes entre si, dessa forma, quando a bola chegava nos atacantes, a marcação do adversário estava encaixada.

A pressão no campo de ataque também deixou a desejar. O time da casa conseguiu algumas vezes escapar da pressão e sair com espaço ao ataque, mas acabavam pecando no passe final ou no momento da conclusão da jogada.

> TABELA - Timão leva o Paulistão? Simule o caminho do mata-mata do estadual

Apenas no segundo tempo, com a entrada de Róger Guedes no lugar de Roni, o Timão teve uma momentânea melhora na partida. O mérito da equipe foi aproveitar os primeiros 15 minutos do segundo tempo para construir o resultado positivo.

Com a entrada do camisa 9, Adson foi deslocado para o meio-campo, junto com Giuliano, enquanto Cantillo fazia o papel de primeiro volante. Assim, Gustavo Silva foi para a direita, e Mantuan ficou no lado esquerdo do ataque. Guedes entrou como centroavante.

Róger Guedes mostrou faro de gol ao aproveitar falha do Novorizontino no escanteio, apenas empurrando para as redes. Com o tento marcado, ele chegou a quatro gols na temporada, se isolando como artilheiro da equipe.

O gol saiu no momento em que VP havia chamado Renato Augusto, Paulinho e Willian. O trio foi importante para deixar o Novorizontino mais atento na defesa, mas os problemas de marcação seguiam, especialmente nas laterais, já que Mantuan passou a atuar novamente improvisado na direita, e Fábio Santos estava com dificuldades na marcação.

O Timão mais uma vez contou com partida inspirada do titular Cássio, que fez ao menos duas grandes defesas na segunda etapa, evitando o empate dos mandantes.

Classificado às quartas de final do Paulistão, o Corinthians se prepara para o duelo contra o Guarani, na quinta-feira (24), às 19h, na Neo Química Arena. A partida será em jogo único, e em caso de empate, o vencedor será decidido nos pênaltis.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários