Nene exalta paixão dos torcedores do Vasco e cita empolgação de sócios da 777 Partners em visita
Luiza Sá
Nene exalta paixão dos torcedores do Vasco e cita empolgação de sócios da 777 Partners em visita


O Vasco acabou eliminado do Campeonato Carioca após perder mais uma vez para o Flamengo por 1 a 0, neste domingo, no Maracanã. Mas um dos pontos positivos da queda acabou sendo a força da torcida. Mesmo com o resultado adverso na primeira partida e o menor número de pessoas, os vascaínos fizeram barulho e tentaram empolgar os jogadores em busca da virada. O meia Nene exaltou a postura dos Cruz-Maltinos e falou sobre a importância do ânimo para o grupo.

- Os torcedores foram a diferença no jogo. Emocionaram a gente ontem no treino, queríamos recompensar hoje dentro de campo com uma vitória. Acredito que quase conseguimos, tivemos chance no primeiro tempo e até sofrermos o gol também. Entramos da maneira como tínhamos que ter entrado desde o primeiro jogo. A equipe soube se reinventar depois da derrota e os torcedores são incríveis. Tivemos que ir até lá depois porque eles fazem a diferença e estando com a gente com certeza vamos conquistar o principal objetivo que é voltar para a Série A - disse.



- É uma maneira de agradecer o que eles fazem por nós, tantos anos sofrendo em uma situação ruim e eles estão lá apaixonados. Nunca vi isso, depois de perder, sair da Copa do Brasil, colocaram 10 mil no treino, as crianças lá. É uma coisa que toca meu coração e eu tento sempre retribuir isso. Demonstrar que também tenho paixão pelo Vasco e reconheço o amor deles - completou.

A semana do Vasco também foi marcada pela visita dos executivos da 777 Partners, possíveis compradores da SAF, que chegaram ao Rio de Janeiro na última quinta-feira para conhecer as instalações do clube e os atletas, além de fazer reuniões para entender a realidade. Nene falou com empolgação sobre o novo momento.

- Eles ficaram empolgados. Chegaram e falaram que não tinha nada certo, vieram para ver como era aqui, a grandeza do Vasco, as possibilidades que eles teriam em relação a investimento. Eles chegaram e percebemos a empolgação deles. Viram a maneira que o torcedor é apaixonado, que tem uma grande possibilidade de fazer algo sensacional. Estamos felizes, espero que eles ajudem a elevar o Vasco para onde merece.

Nene ainda falou sobre a postura da equipe durante a derrota. O Vasco jogou melhor do que na primeira partida e teve duas grandes oportunidades, mas não marcou e acabou sofrendo o gol de Willian Arão que decretou a derrota no segundo tempo. O meia falou sobre a estratégia e também projetou o início na Série B.

- Diz que nos dedicamos do primeiro ao último minuto. Acreditaram no nosso time, na comissão e na estratégia. Ficamos frustrados, não ganhamos clássicos, mas sabíamos que não seria fácil. É um time novo, tivemos muitas trocas buscando um estilo de jogo, uma tática. O treinador teve que mudar, claro que ficamos tristes de não ter ganho, mas chegamos em um momento que precisávamos chegar de estar forte para o Brasileiro, com um time unido, com confiança e personalidade. Jogamos de igual para igual contra um dos melhores times da América do Sul. É isso que temos que levar. Ainda mais agora com o pessoal chegando, nos ajudará a ter um time mais forte.

- Falei antes da partida que tínhamos que ir com garra, personalidade o jogo todo. Acabamos perdendo, era evitável. Se tivéssemos foco, determinação e não desistíssemos em nenhum momento, jogar com esse padrão. Temos que ir com esse objetivo nos 38 jogos. Dessa maneira vamos conseguir o acesso - finalizou.

O Vasco agora tem três semanas de treinos até o início da Série B, previsto para o dia 9 de abril.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários