Britânicos são destaques no UFC Londres
TATAME
Britânicos são destaques no UFC Londres


Os britânicos fizeram valer todo apoio da torcida na O2 Arena e brilharam no UFC Londres, realizado na tarde deste sábado (19), no horário de Brasília. Os protagonistas do card principal conseguiram grandes vitórias no show, como Tom Aspinall. O peso-pesado finalizou, ainda no primeiro round, o experiente Alexander Volkov na luta principal. Outros nomes de destaque da edição foram Arnald Allen nos penas e Paddy Pimblett nos leves.

Única brasileira em ação no card, Luana Dread foi nocauteada por uma britânica. Molly McCann dominou os três rounds e no último assalto aplicou um nocaute devastador. A peso-mosca descolou uma cotovela giratória.

Aspinall domina e finaliza Volkov

Em excelente forma, Tom Aspinall mostrou concentração e agilidade para desviar dos golpes de Alexander Volkov. O inglês primeiro levou para o chão e quase finalizou. Em seguida, o russo se reergueu, aplicou um bom golpe e foi só. O atleta local fintou, derrubou e no chão não desperdiçou, finalizando com uma kimura.

Essa é a quinta vitória de Aspinall no UFC, que está invicto e se coloca como um nome forte na divisão até 120kg. Já Volkov, que é um veterano na organização, apresenta o segundo revés em três apresentações.

Arnald Allen tem atuação de gala

Dono de uma série invicta impressionante no peso-pena, Arnald Allen teve uma atuação de gala no co-main event do UFC Londres e chegou ao nono triunfo seguido. O lutador local foi para cima de Dan Hooker e venceu por nocaute técnico, no round inicial. Após uma boa sequência de golpes, “All Mighty” encurralou o adversário na grade e o árbitro Dan Movahedi interrompeu. O neozelandês conhece o quarto revés em cinco combates.

‘Novo McGregor’ brilha em Londres

Conhecido por ser o “novo McGregor”, pelo jeito provocador e o estilo agressivo dentro do octógono, Paddy Pimblett fez bonito no UFC Londres. O britânico começou o combate na desvantagem, quando Rodrigo Vargas derrubou e ficou trabalhando no chão. Em seguida, o europeu se levantou, aplicou uma bela queda e ajustou a posição até finalizar o mexicano com um mata-leão. Tudo isso no intenso primeiro round.

Pimblett, em sua segunda luta pelo UFC, conseguiu o segundo triunfo no round inicial e mantém o status de promessa no peso-leve da organização americana. Já Vargas chega ao terceiro revés em quatro apresentações.

Luana Dread é nocauteada por McCann

Com uma atuação dominante no UFC Londres, Molly McCann impôs o seu ritmo de luta contra Luana Dread. A britânica alternou seus ataques e mostrou variedade na trocação e também na luta agarrada.

Já no último e decisivo round, McCann, após ficar no infight com a brasileira, descolou uma cotovelada giratória impressionante para nocautear Luana. A peso-mosca pulou a grade do octógono, abraçou Dana White – presidente do UFC – e pegou um cinturão para desfilar no cage. Com este resultado no UFC Londres, Molly chega ao segundo triunfo seguido. Já Luana volta a ser derrotada e sofre o primeiro nocaute no Ultimate.

CONFIRA OS RESULTADOS:

UFC Londres
O2 Arena, em Londres, na Inglaterra
Sábado, 19 de março de 2022

Card principal
Tom Aspinall finalizou Alexander Volkov com uma chave de kimura no 1R
Arnold Allen derrotou Dan Hooker por nocaute técnico no 1R
Paddy Pimblett finalizou Rodrigo Vargas com um mata-leão no 1R
Gunnar Nelson derrotou Takashi Sato por decisão unânime dos jurados
Molly McCann derrotou Luana Dread por nocaute no 3R
Ilia Topuria derrotou Jai Herbert por nocaute técnico no 2R

Card preliminar
Makwan Amirkhani derrotou Mike Grundy com um estrangulamento no 1R
Sergei Pavlovich derrotou Shamil Abudrakhimov por nocaute técnico no 1R
Paul Craig finalizou Nikita Krylov com um triângulo no 1R
Jack Shore derrotou Timur Valiev por decisão unânime dos jurados
Elise Reed derrotou Cory McKenna por decisão dividida dos jurados
Muhammad Mokaev finalizou Cody Durden com uma guilhotina no 1R

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários