Ex-Nº 2 do mundo juvenil, itajaiense Jucelio Torquato é convocado para o Mundial de Cadeirantes
TÊNIS NEWS
Ex-Nº 2 do mundo juvenil, itajaiense Jucelio Torquato é convocado para o Mundial de Cadeirantes


A ADK Tennis, do Itamirim Clube de Campo, em Itajaí (SC), agora tem dois atletas da Seleção Brasileira profissional do Tênis em Cadeira de Rodas e que irão disputar o Mundial em Villamoura, em Portugal, entre os dias 2 e 8 de maio.

Jucelio Torquato, de 21 anos, ex-número 2 do mundo no ranking juvenil, se tornou o novo atleta da academia graças a uma parceria junto ao FMEL, a Fundação Municipal de Esportes e Lazer de Itajaí (SC).

Ele ficou afastado por mais de um ano das quadras por conta da pandemia, retornou com poucos torneios disputados em 2021 e iniciou os treinamentos com o técnico Patrício Arnold, um dos coordenadores da ADK Tennis, em fevereiro. E foi convocado pela primeira vez para a Seleção profissional na categoria Open junto com Daniel Rodrigues, Rafael Medeiros e Bruno Makei.

"Muito feliz e realizado por essa convocação, e estou muito grato por acreditarem em mim para estar representado o Brasil", disse o itajaiense que já havia disputado dois Mundiais pelo Brasil só que como juvenil.

Com um problema de encurtamento de cinco centímetros na perna e artrose no quadril, Jucelio começou no tênis em cadeira de rodas aos 12 anos, aos 13 começou a competir e após a adaptação venceu seus primeiros torneios aos 15. Em 2017 já disputou o Masters juvenil com os oito melhores do ano sendo campeão Parapanamericano juvenil em simples e duplas e ficando em terceiro no Mundial juvenil, finalizando o ano como o segundo do ranking mundial. A partir de 2019 se tornou profissional com um vice-campeonato de duplas e jogou apenas três torneios fora do Brasil no retorno em 2021.

"Venho treinando forte com o Patrício Arnold e minha referência no esporte que é o Ymanitu, um ídolo para mim assim como o Rafael Nadal é no tênis convencional. Estou empolgado para o torneio de Uberlândia e na sequência o Mundial", seguiu.

Desde fevereiro vem treinando forte sob o comando de Patrício Arnold e junto com o catarinense Ymanitu Silva na ADK Tennis. Many, como é chamado, é atual top 10 mundial na categoria Quad e vai liderar o time brasileiro no Mundial atuando junto com Leonardo Pena e Augusto Fernandes.

"É um prazer defender meu país, nossas cores e levar nosso nome pelo mundo", disse Ymanitu.

"Estamos muito felizes com a chegada do Jucelio que é um grande talento do tênis em cadeira de rodas do país e é itajaiense. Chegou em nossa equipe graças ao nosso esforço e da FMEL nessa parceria que acredita no sucesso e no potencial dele. A ADK dá mais um passo para se tornar um grande polo do tênis em cadeira de rodas uma vez que tivemos os melhores treinando aqui ano passado para a Paralimpíada. Será de uma mais-valia ele ter o Ymanitu, uma grande referência nossa, para sua carreira, e também ao próprio Ymanitu ter um jovem tenista com potencial na parte de treinamento".

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários