Bustos fala em jogo equilibrado, mas vê justiça na classificação do Santos
LANCE!/DIARIO DO PEIXE
Bustos fala em jogo equilibrado, mas vê justiça na classificação do Santos


Na noite desta terça-feira, o Santos venceu o Fluminense-PI nos pênaltis e conquistou a classificação para a terceira fase da Copa do Brasil. A partida marcou a estreia do técnico Fabián Bustos no comando do Peixe.

No tempo normal, empate em 1 a 1, com Ricardo Goulart marcando o tento do Peixe na parte final do jogo. Nos penais, deu Santos, por 5 a 4.

No final do jogo, Bustos analisou o triunfo de sua equipe.

"Depois de ver muitas partidas do Brasileirão, da Copa do Brasil, do Campeonato Paulista, me dei conta que o nível é muito competitivo, mesmo contra equipes de outras categorias, é muito equilibrado. Se equilibra também porque o campo não estava em bom estado. A expectativa era fazer uma partida com uma vitória nos 90 minutos. A equipe fez um grande esforço, o rival foi bem, é uma boa equipe, fez as coisas bem, foi equilibrada. Temos coisas para melhorar na questão tática, defensivamente, com a posse de bola, na geração de jogadas. Mas acredito que era injusto não conseguirmos a vitória", disse o treinador.

Bustos também reclamou da arbitragem. Antes do empate, Marcos Leonardo empatou o jogo, mas o gol foi anulado de forma errada por impedimento. Em seguida, Camacho acabou sendo expulso.

"Era justo que conseguíssemos o empate. Antes, fizemos um gol legítimo, onde era para estar 1 a 1. A expulsão do Camacho nos custou. A equipe buscou e conseguiu empatar. Depois, eles lutaram para ganhar, nós também. Foi um jogo aberto dos dois lados. Mas com muitas coisas para melhorar e corrigir", completou Bustos.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários