Aos 44 anos, Buffon diz não pensar em aposentadoria e nem cogita retorno para a seleção da Itália
Lance!
Aos 44 anos, Buffon diz não pensar em aposentadoria e nem cogita retorno para a seleção da Itália


Mesmo no auge dos seus 44 anos, o goleiro Gianluigi Buffon ainda não pensa na aposentadoria. Pelo menos é o que garantiu o arqueiro do Parma em entrevista à "Goal". O ex-camisa 1 da Juventus revelou que ainda não pensa em parar e afirmou que só o fará quando não estiver se sentindo bem.


- Não sei quando irá acontecer (aposentadoria). Não tenho uma data. Vou continuar jognado enquanto estiver bem, com saúde e entusiasmado - declarou Buffon.

+ Veja a tabela e os jogos do Campeonato Italiano

Na última semana, Buffon renovou seu contrato com o Parma por mais duas temporadas e agora tem vínculo com a equipe da segunda divisão italiana até junho de 2024. Ele voltou ao clube que o revelou para o futebol nesta temporada, depois de deixar a Juventus .

+ Saiba os 20 jogadores mais valiosos do duelo Real Madrid x PSG na Champions League

Ainda na mesma entrevista, Buffon foi questionado sobre uma possível volta à seleção italiana, mas descartou que pense na Azzurri. De acordo com o goleiro, caso o conjunto de Roberto Mancini esteja no Qatar, ele não será um dos convocados.

- Estar presente no Qatar? Sem hipótese. Não estou na corrida e já não jogo pela seleção nos últimos quatro anos. Mancini, na minha opinião, fez as escolhas certas e elas têm de ser respeitadas. Tenho de respeitar todo o trabalho que ele tem desenvolvido na seleção - disse o goleiro.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários