João Carlos celebra fase artilheira em Portugal e sequência no Académica Coimbra
Lance!
João Carlos celebra fase artilheira em Portugal e sequência no Académica Coimbra


Ex-Fluminense e atualmente no Académica Coimbra, time da segunda divisão de Portugal, o atacante João Carlos está em destaque na Europa. Com 13 gols em 25 jogos na Liga 2 portuguesa, o brasileiro é o artilheiro da competição e colocou 52% das bolas na rede de sua equipe até o momento. No último final de semana, ele marcou novamente no empate por 3 a 3 diante do Porto B, fora de casa.

- O treinador e a equipe me passam muita confiança. Eles acreditam em mim. A bola chega toda hora. Eu acordo todo dia pensando em fazer gols ou em participar de jogadas que saiam gols. Atacantes vivem de gols e eu não posso pensar em outra coisa a não ser estar envolvido nos gols do time. Preciso ajudar meu time a sair da posição incômoda que se encontra - explicou.

O camisa 50 tem mais que o dobro de gols do vice-artilheiro do time, o português Traquina, com cinco. Ele também lidera em chances criadas, com 21, e é quem mais arrisca chutes ao gol, com 29, cerca de 47% do total do time na Liga Portugal 2. Com relação aos gols, já marcou de cabeça, de perna esquerda, direita, de fora da área, de arrancadas do meio-campo, limpando todo mundo até gol.

- Treino e me cuido muito. Pratico muitas finalizações após as sessões de treinos aqui em Portugal. Não estou pensando muito nas estatísticas individuais, penso todo dia em ajudar cada vez mais a minha equipe a sair da posição que se encontra. Se eu puder fazer gol de orelha, eu farei. Como dizia o Dadá Maravilha "Não existe gol feio. Feio é não fazer gol" - afirmou.

O Académica Coimbra é o último colocado da Liga Portugal 2, com 15 pontos em 25 jogos. João Carlos está há três anos em Portugal. Em sua primeira passagem, no Portimonense, o atacante brasileiro vindo do Fluminense, marcou apenas um gol em 15 jogos disputados. Depois disso, João Carlos foi emprestado a Ponte Preta e CRB mas não brilhou. Em 2020, ele desembarcou novamente em Portugal, no Estoril, também não levando muito brilho. Jogou 16 vezes e balançou as redes adversárias apenas uma vez.

- Tive pouca sequência. Mas não sou de reclamar. Trabalho muito. Treino demais. Sou ambidestro, todos os clubes por onde passei, sempre ficava treinando finalizações, faltas e pênaltis. Seja de perna de esquerda ou direita. Graças a Deus, estou indo bem aqui no Academica. De fato, é a melhor temporada da minha carreira. Mas tenho muita coisa ainda para evoluir.

João Carlos já entrou em campo nesta temporada 28 vezes e marcou 14 gols, o maior número de participações desde que chegou em Portugal.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários