Após incômodo jejum sem vitórias contra o Vasco, Fluminense defende invencibilidade de mais de dois anos
Lance!
Após incômodo jejum sem vitórias contra o Vasco, Fluminense defende invencibilidade de mais de dois anos


São mais de 370 jogos na história, mas Fluminense e Vasco ficaram quase um ano sem se encontrar. Neste sábado, às 17h, no Estádio Nilton Santos, a espera pelo confronto acaba. No terceiro clássico do ano para o lado tricolor, a expectativa é manter a escrita recente em duelos contra rivais e aumentar ainda mais o período atual de dois anos e três meses sem ser derrotado pelo Cruz-Maltino. O jogo tem transmissão em tempo real do LANCE! .

Com o Vasco na Série B, os dois só fizeram uma partida em 2021, pelo Campeonato Carioca. No geral, o histórico é equilibrado, com 120 vitórias para o Flu, 107 empates e 148 derrotas. No entanto, o time de São Januário foi pedra no sapato por muito tempo recentemente. Nos últimos 42 jogos, foram 19 triunfos para o lado vascaíno e 10 para o Tricolor, além de 13 empates.



O último encontro entre as duas equipes foi em 30 de março de 2021, quando Germán Cano e Fred, hoje companheiros de equipe, marcaram no empate em 1 a 1 no Raulino de Oliveira, em Volta Redonda. O primeiro tempo foi bastante morno e o melhor momento foi um quase gol olímpico de Nene, hoje no Vasco, além do gol de Cano. Já depois do intervalo o jogo animou e o camisa 10 cruz-maltino deu a assistência para Fred marcar.

Não tem sido um clássico recheado de gols. Nas 10 partidas anteriores, houve duas vezes um 2 a 1, uma vez um 2 a 0, três empates por 1 a 1 e outro por 0 a 0, além de três vitórias do Vasco por 1 a 0.

O Fluminense deve ir a campo com um time recheado de reservas por conta do jogo de volta da Libertadores, na próxima terça-feira, às 21h30 (de Brasília), diante do Millonarios. Para evitar mais desgaste e lesões, Abel Braga terá diversos reservas tentando mostrar serviço. O Flu é o líder do Campeonato Carioca com 21 pontos e já está garantido na semifinal.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários