Glória surpreende, vence o Brasil de Pelotas e avança na Copa do Brasil
Futebol Latino
Glória surpreende, vence o Brasil de Pelotas e avança na Copa do Brasil


No confronto gaúcho válido pela primeira fase da Copa do Brasil, Glória e Brasil de Pelotas entraram em campo na noite desta quarta-feira, no estádio Altos da Glória. E quem se deu melhor foram os donos da casa. Após uma primeira etapa sem gols, já na segunda etapa, Vitor, praticamente na reta final, marcou o gol que decretou a vitória e a classificação do clube de Vacaria na competição.

Com o resultado, o time comandado por Alê Menezes agora mira a próxima fase. Entretanto, terá que aguardar seu adversário que sairá da partida entre Castanhal e Vitória.

>Aplicativo de resultados do LANCE! está disponível na versão iOS

GLÓRIA TENTA BUSCAR MAIS O ATAQUE NO INÍCIO

Por conta do regulamento da competição, o Glória sabia que, além do Brasil, o relógio seria outro adversário em campo, uma vez que vitória era o único resultado que importava aos donos da casa. Fazendo seu primeiro jogo oficial na temporada, o time da casa, nos 10 minutos iniciais, visou acionar seus jogadores de ataque tentando surpreender o adversário na expectativa de encontrar seu gol, porém acabou não oferecendo perigo ao goleiro Marcelo.

Entretanto, aos poucos, o Xavante passou a equilibrar mais as ações e apareceu com mais frequência na área do time de Vacaria, quase tirando o zero do placar em duas chances. Na primeira, Luizinho, ao receber em profundidade, acabou finalizando por cima do gol, e na segunda, Marllon viu o camisa 1 rival fazer bonita defesa, fechando o ângulo em sua finalização.

VISITANTES MANTÉM RITMO FORTE

Na sequência, o time comandado por Jerson Testoni seguia melhor criando mais chances de abrir a contagem. Apesar de algumas tentativas por parte do Glória, até meados dos 40, Gabriel Araújo, Luiz Meneses e companhia não davam um minuto de sossego para Régis que mantinha-se atento a cada lance.

Nos momentos finais, contando os acréscimos, os dois times pouco tiveram chances. Com isso, foi a deixa para o árbitro mandar os jogadores para os vestiários.

JOGO TRUNCANDO NO INÍCIO DA SEGUNDA ETAPA

Com apenas o técnico Alê Menezes optando por uma troca na volta para a etapa complementar, colocando Léo no lugar de Bahia, o Glória sabia que tinha que correr contra o tempo para surpreender o Xavante. Porém, nos primeiros 10 minutos, o duelo era truncado com muita disputa de bola em todos os setores do campo, porém ainda com o Brasil chegando um pouco mais à sua área.

Apostando em mudanças, porém agora dos dois lados, a intenção de Alê foi aumentar seu poder de ataque, enquanto o de Jerson foi melhorar seu sistema defensivo. Com isso, até meados dos 30, o panorama em campo passou a ficar mais equilibrado, com o famoso lá e cá, mas ainda com o goleiro Régis tendo mais trabalho até então.

GLÓRIA ABRE A CONTAGEM E EMOÇÃO ATÉ O FIM

Apostando em jogadas pelos lados do campo, os donos da casa não desistiram de encontrar seu gol diante do Brasil. Até que em uma falta pelo lado direito, após a bola ser erguida na área, Léo pegou o rebote e mandou para o gol contando com o desvio de Luiz Meneses no meio do caminho. Placar aberto em Vacaria.

Atrás no placar, o treinador do Xavante não quis saber de perder tempo e resolveu apostar em três mudanças seguidas, entre elas colocando o atacante Luiz Felipe. Entretanto, mesmo aumentando seu poder ofensivo, e com direito a cinco minutos de acréscimos dados pela arbitragem, o time de Pelotas acabou esbarrando tanto na trave, como na tentativa de Luiz Menezes, quanto no dia inspirado do goleiro Régis, não conseguindo encontrar seu tento de igualdade, com direito a muita festa dos atletas do Leão com a torcida que marcou boa presença nas arquibancadas.

FICHA TÉCNICA
GLÓRIA 1x0 BRASIL DE PELOTAS


Data e horário: 23/02/2022, às 20h (de Brasília)
​Local: Estádio Altos da Glória, em Vacaria (RS)
Árbitro: Rodrigo D'Alonso Ferreira (SC)
Assistentes: Henrique Neu Ribeiro (SC) e Thiaggo Americano Labes (SC)

Cartões Amarelos: Rafael Castro, 33'/1ºT; Baggio, 5'/2ºT; Vacaria, 15'/2ºT; Luizinho, 23'/2ºT; Luiz Carlos, 29'/2ºT

Gols: Vitor, 31'/2ºT (1-0)

GLÓRIA: Régis; Bahia (Léo, no intervalo), Igor, Manolo e Vitor; Vacaria (João Paulo, 17'/2ºT), Rafael, Matheus Paulista (Carlinhos, 38'/2ºT) e Baggio (Luiz Carlos, 25'/2ºT); Biel e Wellington.
(Técnico: Alê Menezes)

BRASIL DE PELOTAS: Marcelo; Marcelinho, Rafael Castro (Gilberto Alemão, aos 36'/2ºT), Helerson e Gabriel Araújo; Henrique Ávila (Luiz Felipe, aos 36'/2ºT), Karl (Léo Ferraz, aos 36'/2ºT) e Marllon; Luiz Meneses, Paulo Victor e Luizinho (Juliano, aos 22'/2ºT).
(Técnico: Jerson Testoni)

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários