Fora de casa, CSA empata com o Atlético-BA e segue adiante na Copa do Brasil
Futebol Latino
Fora de casa, CSA empata com o Atlético-BA e segue adiante na Copa do Brasil


O CSA garantiu vaga na segunda fase da Copa do Brasil nesta quarta-feira (23) ao empatar em 1 a 1 com o Atlético-BA, na cidade de Alagoinhas. Pelo regulamento, na primeira fase do torneio, a equipe de melhor posição no Ranking da CBF joga pela igualdade para se classificar.

Veja todos os confrontos da primeira fase na Copa do Brasil

ATAQUES ANIMADOS

Nenhuma das equipes adotou a postura de maior análise ao oponente nos primeiros minutos do confronto, trocando passes com rapidez na construção das jogadas e colocando os defensores adversários em sérios problemas para conseguirem recompôr. Como resultado disso, tanto Marcelo Carné (em pelo menos duas investidas de Jerry) como Fábio Lima (na batida cruzada de Lucas Barcelos vinda do lado esquerdo e também no chute já na pequena área de Rodrigo Rodrigues) precisaram se esforçar para manter o zero no marcador.

QUE CATEGORIA!

Em confronto que seguiu na base da "trocação", a eficiência da armação com Lucas Barcelos e a bonita batida de fora da área executada por Marco Túlio foram responsáveis por abrir a contagem no interior baiano a favor do CSA. Depois do atacante partir pelo lado direito e tocar na direção da meia-lua, o camisa 21 ajeitou e chutou com extrema precisão no ângulo esquerdo de Fábio Lima que nada pode fazer para evitar o tento dos alagoanos.

TRABALHO COLETIVO

Enquanto o tento do Marujo teve uma dose considerável de categoria na execução, a igualdade do Carcará demonstrou movimentação coordenada e passes precisos. Na jogada que mudou de lado até chegar a extrema direita para o lateral Paulinho, ele cruzou de maneira precisa para Thiaguinho, na base da infiltração, entrar com liberdade para testar entre as pernas de Marcelo Carné.

CONTORNOS DE TENSÃO

Apesar do time da casa ter mais dificuldade na segunda etapa de transformar em finalizações agudas os bons momentos de construção que seguia apresentando, o grau de pressão e capacidade de envolver a defesa do CSA por parte do Carcará fez com que a classificação para a segunda fase da Copa do Brasil estivesse moralmente "em aberto".

Com o aspecto físico falando mais alto e os reservas acionados cometendo erros cruciais no momento da conclusão, baianos e alagoanos tiveram muitas chances de mudar o placar do Estádio Municipal Antônio de Figueiredo Carneiro. Porém, isso não aconteceu e o time visitante saiu beneficiado pelo regulamento, carimbando vaga na segunda fase da Copa do Brasil.

FICHA TÉCNICA DA PARTIDA
​ATLÉTICO-BA 1 x 1 CSA

Local:
Estádio Carneirão, em Alagoinhas (BA)
Data e hora: 23/02/2022 - 21h30 (de Brasília)
Árbitro: Antonio Dib Moraes de Sousa (PI)
Assistentes: Rogério de Oliveira Braga e Márcio Iglésias Araújo Silva (PI)
​Cartões amarelos: Jerry, Emerson (ATL); Gabriel, Lucas Barcelos (CSA)
Cartões vermelhos: Emerson (ATL)

GOLS: Marco Túlio (28'/1°T) (0-1); Thiaguinho (40'/1°T) (1-1)

ATLÉTICO-BA (Técnico: Agnaldo Liz)

Fábio Lima; Paulinho, Iran, Bremer e Caetano (Matheus, aos 37'/2°T); Dionísio, Lucas Santos (Gabriel Esteves, aos 37'/2°T) e Miller; Jerry, Rael (Cesinha, aos 23'/2°T) e Thiaguinho (Emerson, aos 29'/2°T).

CSA (Técnico: Mozart Santos)

Marcelo Carné; Cedric (Igor, aos 21'/2°T), Wellington, Werley e Ernandes; Geovane, Gabriel e Felipe Augusto (Osvaldo, aos 20'/2°T); Marco Túlio (Yann Rolim, aos 14'/2°T), Lucas Barcelos (Didira, aos 32'/2°T) e Rodrigo Rodrigues (Dalberto, aos 21'/2°T).

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários