'Eu traria, sim!': Benja aponta técnico disponível no mercado que o Corinthians deveria contratar
Lance!
'Eu traria, sim!': Benja aponta técnico disponível no mercado que o Corinthians deveria contratar


O jornalista esportivo Benjamin Back, apresentador do 'Arena SBT' afirmou durante a edição desta segunda-feira que o Corinthians , que segue na busca para um comandante após demitir Sylvinho, deveria apostar no nome de Fábio Carille , que recentemente foi demitido do Santos .

Para Benja, o treinador seria perfeito no momento pelo histórico dele dentro do clube ao qual classificou como sendo o melhor 'desde Tite'.

Eu traria, sim, Fábio Carille. Eu acho que pós Tite foi o melhor treinador que o Corinthians teve. O clube não acertou treinador nenhum. O único que acertou foi o Carille. E aqui é um lugar muito louco. Por que o cara ganha um Brasileiro e um tricampeonato paulista que não ganhava a duzentos anos (e não é visto como boa opção) - afirmou Benja.

Busca segue desde a saída de Sylvinho
Desde a desligamento de Sylvinho no dia 3 de fevereiro, após a derrota para o Santos na terceira rodada do Paulistão, a alta cúpula da diretoria alvinegra, encabeçada pelo presidente Duílio Monteiro Alves, afunilou a procura e estabeleceu a condição de que a preferência seria por um profissional estrangeiro.

Nomes como Jorge Jesus, Vitor Pereira, Paulo Fonseca, Nuno Espírito Santo e Luís Castro (único a receber proposta oficial do Timão) entraram em pauta, mas as negociações não evoluíram.

> TABELA: Confira e simule os jogo do Corinthians no Paulistão

Dos 20 clubes da Série A do Brasileirão de 2022, seis possuem treinadores estrangeiros, e a tendência é que a liste ganhe mais dois nomes, tendo em vista que o Botafogo deve fechar com Luís Castro, e a diretoria do Timão evita negociar com um brasileiro no momento.

Desses seis times com um profissional do exterior, três são os que dominam o futebol brasileiros nos últimos anos: Atlético-MG, Flamengo e Palmeiras. Todos, assim como o Corinthians, tiveram dificuldades nas negociações, mas só o Rubro-Negro na troca de Renato Gaúcho para Paulo Sousa, até o momento, demorou mais que o time do Parque São Jorge para oficializar a chegada do novo profissional: 30 dias.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários