Vitor Sérgio Rodrigues
Instagram
Vitor Sérgio Rodrigues


Após a decisão da Supercopa do Brasil, entre Atlético Mineiro e Flamengo, o comentarista da TNT Sports, Vitor Sérgio Rodrigues, compartilhou no Twitter uma ameaça de morte que recebeu ontem (20) pela internet. A mensagem foi enviada para o jornalista após ele ter feito um comentário sobre o atacante Gabigol não ter batido o pênalti decisivo que culminou na derrota do Flamengo para o Atlético-MG na decisão da taça.

Para contextualizar, a Supercopa foi para as penalidades após o empate no tempo normal, onde Atlético-MG e o Flamengo empatarem por 2 a 2. Em uma disputa histórica de penalidades, o Atlético se sagrou campeão depois de superar o Fla por 8 a 7.
Foram ao todo uma dúzia de cobranças para cada equipe. Como todos os jogadores que terminaram o confronto em campo já tinham ido para a cobrança, a lista de batedores precisou ser repetida.

Leia Também

Leia Também

O comentarista ressaltou o fato de Gabigol não ter seguido o exemplo de Hulk, que foi para a cobrança (e converteu) para o Galo, que acabou sendo decisivo para o título. A ausência de Gabriel, virou assunto comentado nas redes sociais. E VSR tweetou: "É um fato: era só o Gabigol pedir para bater o pênalti na hora que recomeçou e ele bateria. O melhor batedor do time, num pênalti de eliminação, não bateu. Só há uma explicação: ele não se apresentou para a cobrança", complementou ele.

Após a postagem, Vitor Sérgio recebeu ataques de uma pessoa, no direct do seu Instagram, com a seguinte mensagem:
"Larga de falar mal do Gabi, seu lixo. Vou encher sua cara de tiro, seu m...", diz a ameaça recebida. VSR, respondeu ao usuário que encaminharia a intimidação à polícia. "Você vai aprender que internet não é terra de ninguém".

O jornalista falou que qualquer dinheiro recebido na ação será redirecionado para uma instituição de caridade. Com isso, um internauta sugeriu que a doação fosse para as famílias do Ninho. " Perfeito! Farei isso ", respondeu VSR.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários