Santos demite o técnico Fábio Carille após derrota para o Mirassol
LANCE!/DIARIO DO PEIXE
Santos demite o técnico Fábio Carille após derrota para o Mirassol


O Santos demitiu o técnico Fábio Carille do comando técnico nesta sexta-feira após uma reunião com os membros do Comitê de Gestão e o departamento de futebol, comandado por Edu Dracena e Guilherme Lipi.


Carille teve 10 vitórias, 7 empates e 10 derrotas nos 27 jogos disputados com 35 gols marcados e 36 sofridos. Um aproveitamento de 45,67% O técnico deixa o Peixe na segunda colocação do Grupo D no Campeonato Paulista.

> Santos desliga Fábio Carille e vai buscar novo treinador: veja técnicos brasileiros livres no mercado

> Algum nome é viável para o Santos? Confira técnicos estrangeiros livres no mercado


O começo de ano ruim da equipe do Santos vinha causando incômodo dentro do clube. Carille comandou o Peixe nesta quinta-feira na derrota para o Mirassol por 3 a 2 pela sétima rodada do Paulistão. A equipe sofreu três gols antes dos 40 minutos e o primeiro tempo apático foi considerado "a gota d'água".

Contra o técnico pesou não apenas a falta de resultados, mas também a ausência de um bom desempenho. O empate na Vila Belmiro contra o São Bernardo, assim como a sofrida vitória contra o Ituano, levaram dúvidas sobre a evolução da equipe em relação a 2021.

A diretoria santista entende que não conseguiu reforçar o time como imaginava, mas vê uma equipe mais qualificada do que na temporada passada, quando brigou para não cair até a penúltima rodada do Campeonato Brasileiro.

Em 2022, o Peixe entrou em campo sete vezes: empatou três, venceu duas e perdeu outras duas. A equipe santista é a quarta com menos finalizações no Paulistão, além de ser a primeira em finalizações sofridas e também a primeira em finalizações ao alvo.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários