Palco da Supercopa do Brasil tem gramado elogiado e, ao L!, secretário celebra sucesso da Arena Pantanal
Matheus Dantas
Palco da Supercopa do Brasil tem gramado elogiado e, ao L!, secretário celebra sucesso da Arena Pantanal


Impulsionada pelo acesso do Cuiabá à Série A do Brasileirão, a Arena Pantanal vai se consolidando como uma das principais praças do futebol brasileiro. Com gramado e estrutura elogiados, o estádio receberá, neste domingo, a Supercopa do Brasil entre Atlético-MG e Flamengo . Nas vésperas da decisão, o secretário adjunto de Esporte e Lazer (Secel/MT) Jefferson Carvalho Neves atendeu o LANCE! e explicou o trabalho realizado no local nos últimos anos.

+ Arena Pantanal é preparada para Atlético-MG x Flamengo; confira as fotos!

- Em agosto (de 2020), com uma possibilidade grande do Cuiabá subir para a Série A, começamos a trabalhar para elevar o patamar da Arena. Já tínhamos conseguido fazer um bom estádio de Série B, era elogiada, mas sabíamos que a Série A era diferente. Elevamos o nível de exigência para colocar a Arena, realmente, pronta para receber jogos maiores e com torcidas maiores. Mesmo estando em momento de pandemia, sabíamos que uma hora iria acontecer.

A Arena, construída para a Copa do Mundo de 2014 ao custo de cerca de R$ 660 milhões, não recebeu a devida atenção nos anos seguintes ao Mundial e apresentou sinais de abandono no entorno. Ao chegar no estádio na quinta, a reportagem do LANCE! observou um cenário diferente: dezenas de jovens entravam e saíam do local onde hoje funciona a Escola Estadual Governador José Fragelli, que funciona em tempo integral e ali o ensino à prática esportiva.

Leia Também

TRATO ESPECIAL COM O GRAMADO

Durante a visita ao estádio, o gramado da Arena Pantanal estava recebendo os devidos cuidados para estar nas melhores condições neste domingo. Após um processo de adubagem, foi molhado. Nesta sexta e no sábado, o gramado será aparado e ter a altura entre 22 e 25 milímetros no domingo, para a Supercopa.

Profissionais do Atlético-MG também estiveram vistoriando o estádio nesta quinta e elogiaram as condições do gramado e a infraestrutura da Arena, como os vestiários, acessos e áreas destinadas aos membros da comissão técnica.

Veja mais respostas do secretário adjunto de Esporte e Lazer (Secel/MT) Jefferson Carvalho Neves em entrevista ao LANCE!, na Arena Pantanal:

Arena Pantanal no circuito dos grandes jogos no Brasil

Sonhamos com isso desde que assumimos a Arena. Em 2019, a Arena era muito famosa pela vergonha que passava ao Governo. Era um estádio que estava largado, quase nada funcionava direito e começamos a trabalhar naquele momento para que isso fosse realidade hoje. Tivemos momentos muito difíceis em 2019, o orçamento era muito escasso e tínhamos dificuldade de fazer tudo.

Trabalhamos muito, não teve fim de semana, nada, para que no jogo de abertura da Série de 2021, entre Cuiabá e Juventude, todos saíssem elogiando muito a Arena, observadores da CBF. E, para nossa surpresa, cinco dias depois fomos consultados sobre os jogos da Copa América, se gostaríamos de sediar jogos da Copa América.

Experiência de sediar cinco jogos da Copa América


Para nós, foi a glória. Saímos de um estádio que cumpria suas obrigações na Série B para um estádio elogiado na Série A e cogitado para a Copa América, uma competição muito aguardada. Estavam sendo oferecidos jogos da Argentina, Uruguai. Ficamos muito felizes e sediamos alguns jogos da Copa América. Naquele momento também, a Arena foi avaliada como um dos melhores estádios da Copa América, e com o melhor gramado da competição. Foi muito elogiado pelos presidentes das federações, da Conmebol, e não paramos de trabalhar pensando nessas oportunidades. Receber um jogo desse tamanho, que considero a principal partida do primeiro semestre do futebol brasileiro, é uma felicidade.

Definição de Cuiabá como palco da Supercopa do Brasil


Nós já tínhamos nos colocado à disposição da CBF (após a Copa América) e para qualquer outra competição da CBF. Claro que sem atrapalhar o Cuiabá, que é quem mais utiliza e precisa muito da Arena para que os resultados aconteçam. Nos colocamos à disposição e trabalhamos muito. Depois de alcançar o nível de bom estádio da Série A, não paramos de trabalhar e levantar o sarrafo. Não diminuímos mais o ritmo.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários