Na estreia de João Pedro na Arena, lateral foi o melhor driblador do Corinthians contra o São Bernardo
Fábio Lázaro
Na estreia de João Pedro na Arena, lateral foi o melhor driblador do Corinthians contra o São Bernardo


Ainda uma incógnita no Corinthians , João Pedro voltou a ter alguns minutos pelo clube durante a vitória corintiana por 3 a 0 sobre o São Bernardo, na última quarta-feira (16), pela sétima rodada do Campeonato Paulista . A partida marcou a estreia do lateral jogando na Neo Química Arena pelo Timão.

O jogador entrou em campo aos 29 mintuos do segundo tempo, logo após Willian marcar o terceiro gol do clube alvinegro e definir a partida, e foi dono de uma estatística importante, a de melhor aproveitamento nos dribles, segundo a plataforma Footstats.

> TABELA - Confirma e simule os jogos do Timão no Campeonato Paulista
> GALERIA - Veja todos os técnicos estrangeiros na história do Corinthians

É bem verdade que João Pedro saiu do banco de reservas com o jogo resolvido, mas a sua postura não foi recatada, e o camisa 2 foi pra cima da marcação adversária e acertou as três tentativas de dribleas que tentou durante os 20 minutos em que esteve em campo.

Somente Willian acertou a mesma quantidade de dribles de JP, mas o camisa 10 tentou outros dois onde não teve sucesso.

- Entrou bem no jogo, seguro, fez ações defensivas, e depois foi avançando, criando situações, condução. Acho que ele se sentiu bem nesse orineito jogo na Arena. Se mostrou bem desenvolto - disse o interino no comando corintiano Fernando Lázaro.

Contratado em agosto do ano passado, João Pedro tinha apenas oito minutos em campo até o duelo da última quarta-feira (16), e justramente nos seus primeiros instantes com a camisa corintiana teve falha crucial em um gol sofrido pelo clube alvinegro na derrota por 2 a 1 para o Ceará, em novembro do ano passado pelo Brasileirão.

A ausência de sequência de João também era questionada porque com o ex-treinador Sylvinho existia uma preferência do meia Du Queiroz improvisado na lateral-direito em situações onde o Corinthias não podia contar com Fagner. E no último dia 10 de fevereiro, na vitória corintiana por 2 a 1 sobre o Mirasso, em uma situação onde o titular da posição teve um desconforto muscular, a opção do interino Fernando Lázaro foi substitui-lo por Cantillo, lançando Queiroz para a ala.

- Natural a entrada do João Pedro. É um atleta da função. No último jogo, pode ter gerado alguma dúvida, mas foi uma questão circunstancial (a opção por Du Queiroz na lateral). Hoje em um transcurso normal, a entrada do João Pedro natural na função. O Fagner se recuperou bem do incômodo que sentiu contra o Mirassol, mas o jogo permitiu naquele momento fazer a substituição, preservar o atleta e dar ritmo ao João Pedro, que fez grande partida - afirmou Lázaro.

João Pedro está no Timão emprestado pelo Porto, de Portugal. O vínculo tem duração até o próximo dia 30 de junho.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários