Brasileiras bicampeãs olímpicas da vela estão entre as líderes mundiais do ranking da SSL
Lance!
Brasileiras bicampeãs olímpicas da vela estão entre as líderes mundiais do ranking da SSL


As bicampeãs olímpicas Martine Grael e Kahena Kunze aparecem entre as primeiras colocadas do ranking mundial divulgado nesta semana pela SSL - Star Sailors League. As brasileiras, que estreiam na temporada 2022 nesta semana na 49erFx, na Olympic Week, em Lanzarote, na Espanha, estão em segundo lugar no feminino do mês de fevereiro. A pesquisa conta com 113.000 atletas analisados de mais de 150 países.

Martine Grael está sexta posição do geral entre as timoneiras, enquanto Kahena Kunze é a terceira melhor proeira da SSL. As duas fazem parte do SSL Team Brazil na Gold Cup. O time liderado por Robert Scheidt já está nas quartas-de-final da chamada Copa do Mundo da Vela. A fase de mata-mata será em novembro deste ano, na Suíça. No ranking de países, o Brasil ocupa a 13ª colocação.

A Seleção Brasileira de Vela realizará antes um período de treinamentos em Grandson, na Suíça, entre os dias 7 e 14 de agosto visando a SSL Gold Cup. Os treinos têm o objetivo de entrosar a tripulação. Será a segunda vez que a seleção brasileira se reunirá para a SSL Gold Cup. Em 2021, a equipe ficou com a medalha de prata no evento-teste.

- O grupo é muito forte e conta com velejadores de ponta na vela mundial. Temos campeões em muitas categorias, o que ajuda muito no desempenho da tripulação. Nosso objetivo é contar sempre com o que há de melhor na modalidade no país - disse o medalhista olímpico Bruno Prada, gerente da equipe brasileira.

A dinamarquesa Anne-Marie Rindom é a líder do ranking feminino da Star Sailors League. A atleta foi campeã olímpica em Tóquio 2020 na classe Laser Radial. Além da equipe dinamarquesa na Gold Cup, a atleta integra o Team Denmark na SailGP. Entre as proeiras, a britânica Anna Burnet está no top do ranking.

O neozelandês Peter Burling, bicampeão olímpico e da America's Cup é o primeiro do ranking masculino e geral. Seu proeiro Blair Tuke é o líder da sua função.

Sobre a Olympic Week, em Lanzarote, torneio que recebe grandes velejadores do mundo todo e marca a abertura das competições do ano., Kahena Kunze disse ser um evento importante para o início de ciclo.

- Ano passado essa foi uma regata muito importante para gente. Aqui é um treino, um recomeço muito importante para nós como equipe, troca de treinadores e material. Uma regata para recomeçar o ciclo para Paris, devagar. Uma raia muito boa para correr e treinar coisas específicas, das manobras e testes de equipamentos - disse Kahena Kunze.

- O bom é que as condições são muito parecidas, então treinamos bem quando fica vento forte, fraco, porque ficam constantes. Estamos aqui experimentando situações. O pódio é um objetivo. Em uma competição sempre damos o máximo, mas não depende apenas de nós. Temos condições da natureza, mas faremos de tudo para chegar no pódio - completou a proeira número 2 do ranking mundial.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários