Presidente da CBBoxe, Marcos Brito comemora campanha vitoriosa da seleção brasileira na Hungria
Lance!
Presidente da CBBoxe, Marcos Brito comemora campanha vitoriosa da seleção brasileira na Hungria


A equipe brasileira de boxe olímpico iniciou de maneira vitoriosa a primeira etapa de 2022 do circuito internacional de competições. Na Hungria, a seleção disputou o Bocskai Istvan Memorial, um tradicional torneio europeu de pugilismo, e teve ótimos resultados com a conquista de nove medalhas de ouro.

Na equipe masculina, destaque para Ronald Ribeiro (54 kg), que levou o ouro em sua primeira competição internacional após subir de juvenil (de 17 a 18 anos) para adulto (de 19 a 34 anos). Já entre as mulheres, Bárbara Santos (70kg) recebeu os holofotes ao bater a campeã olímpica e mundial Busenaz Surmeneli na disputa pelo primeiro lugar.

De acordo com o presidente da Confederação Brasileira de Boxe, Marcos Brito, a equipe superou as expectativas. “A campanha da seleção na Hungria foi fantástica, é um começo de ciclo e vimos que nossos atletas continuam competindo em alto nível, mesmo após o intervalo de final de ano”, destacou.

Outros quatro atletas fizeram ótima campanha na equipe masculina e também foram consagrados com o lugar mais alto do pódio: Keno Marley (86 kg), Isaias Filho (80 kg), Wanderley Pereira (75 kg) e Abner Teixeira (+92 kg). O presidente da CBBoxe exaltou o feito da equipe, em particular do substituto do campeão olímpico Hebert Conceição, que abriu mão da sua vaga na seleção ao se profissionalizar.

“É importante destacar o bom desempenho do Wanderley, que ocupou a vaga do Hebert. Logicamente, nós sempre gostaríamos de ter atletas do nível do Hebert na equipe, mas podemos ver que temos um sucessor de qualidade, que também está mostrando que pode conquistar uma medalha nas próximas Olimpíadas. Estamos bem servidos de atletas”, ressaltou Marcos Brito.

Medalhista de prata nas Olimpíadas de Tóquio 2021, Bia Ferreira (63 kg) também ficou com o primeiro lugar da sua categoria, assim como as suas companheiras de equipe Jucielen Romeu (57kg) e Beatriz Soares (66 kg). Um excelente início de ciclo olímpico para os Jogos de Paris 2024, que ainda está distante de se encerrar.

A seleção retorna ao Brasil e terá um breve período de descanso antes de retornar aos treinos. Isso porque, na agenda da equipe, já aparecem o campeonato continental, que será disputado em março, e o campeonato mundial feminino, previsto para maio. E, com a confiança das vitórias na Hungria, as expectativas são as melhores possíveis.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários