Homem expõe tatuagens neonazistas em estádio do Rio Grande do Sul, gera confusão e acaba expulso
Lance!
Homem expõe tatuagens neonazistas em estádio do Rio Grande do Sul, gera confusão e acaba expulso


Um homem gerou confusão, foi agredido e precisou ser retirado da arquibancada do estádio Bento Freitas, em Pelotas, no Rio Grande do Sul, por expor duas tatuagens de conteúdos neonazistas nas costas enquanto torcida para o Brasil de Pelotas que ficou no empate com o Novo Hamburgo neste domingo pelo Campeonato Gaúcho.

Em vídeo publicado nas redes sociais é possível ver que nas costas do homem, na altura do cóccix, a frase 'Mein Kampf' que é nome de um livro publicado por Adolf Hitler que era usado para difundir o Nazismo. Além disso, na altura do ombro esquerdo é possível ver a 'Cruz de Ferro', emblema usado pelos oficiais do regime nazistas.

- Ontem, um homem foi um expulso da arquibancada pela torcida do Brasil de Pelotas após exibir suas tatuagens neonazistas (Mein Kampf e Cruz de Ferro). Infelizmente, a extrema-direita deu amplitude e voz para grupos racistas, homofóbicos e antissemitas em nosso país. O Brasil de Pelotas é um clube que foi fundado pela classe operária e negra. Parabéns para a torcida Xavante, que honrou suas raízes! Com nazista não tem conversa - postou a vereadora Daiane Santos, com o vídeo.

O perfil do podcast 'XavaCast', da torcida do Brasil de Pelotas, compartilhou imagens do fotógrafo do clube que mostra a confusão e o homem sendo retirado da arquibancada.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários