Ferroviária cobra dívida por Zanocelo na Justiça e Santos vê 'falha de comunicação'
LANCE!/DIARIO DO PEIXE
Ferroviária cobra dívida por Zanocelo na Justiça e Santos vê 'falha de comunicação'


A Ferroviária entrou na Justiça cobrando uma dívida do Santos pelo empréstimo do volante Vinícius Zanocelo. Na ação, o clube de Araraquara cobra R$ 489.976,76. O juiz Frederico dos Santos Messias, da 4ª Vara Cível do Foro de Santos, determinou que Santos efetue o pagamento, de forma integral, em três dias. Caso não haja a quitação, o magistrado autorizou a penhora de bens do Alvinegro.

Os valores seriam referentes a quatro das cinco parcelas de R$ 100 mil pelo empréstimo do volante. O Peixe pagou apenas a primeira. Os R$ 400 mil restantes foram corrigidos com multa de 5%, além de juros.

No final da tarde, o Santos divulgou uma nota oficial reconhecendo a dívida, mas alegou ter feito um acordo com o clube de Araraquara para postergar o pagamento e citou uma "falha de comunicação" na ação judicial (veja a nota completa abaixo).

Zanocelo está emprestado ao Santos até 31 de maio de 2023. Para ficar com o jogador em definitivo, o Peixe terá de pagar 2 milhões de Euros (cerca de R$ 11,7 milhões) na cotação atual. Os R$ 500 mil pelo empréstimo seriam descontados no valor da compra.

Confira a nota oficial do Santos

Sobre o caso relacionado à Ferroviária, o Santos Futebol Clube esclarece que existe um acordo entre os clubes para a postergação do pagamento do empréstimo do jogador Vinícius Zanocelo, mas houve uma falha de comunicação, originando a ação na Justiça. O Santos FC tem a expectativa de que a ação seja retirada nos próximos dias

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários