Caique 'Striker' e Júlio 'Tyson' prometem guerra pelo cinturão peso-pena do Jungle Fight
Lance!
Caique 'Striker' e Júlio 'Tyson' prometem guerra pelo cinturão peso-pena do Jungle Fight


O clima esquentou na encarada da luta principal do Jungle Fight 105, que acontece neste domingo em Manaus. Postulantes ao cinturão peso-pena do maior evento de MMA da América Latina, Caique "Striker" e Julio "Tyson de Novo Aripuanã" Almeida trocaram ameaças no momento da encarada realizada durante a pesagem, na tarde deste sábado. Ambos bateram o peso.

O baiano Caique Striker, 28 anos, vem de uma vitória fulminante na última edição do evento, um nocaute em apenas 10 segundos de luta. Apesar disso, ele garante que o que o público viu dentro da arena Jungle foi só o resultado de uma preparação árdua.

"Na real (meu trabalho não se resume) só naqueles 10 segundos, tem muito treinamento, muita preparação, para a gente chegar e poder se apresentar daquele jeito. O que o público vê é só a ponta do iceberg", explica.

"Amanhã vai ser guerra, eu vou para cima com tudo o que eu tenho. Conquistar o cinturão vai decidir o meu futuro. Atleta depende de resultado, então eu preciso ganhar e eu vou para ganhar", promete o baiano.

Também com características de definidor, o amazonense Júlio Pereira, 24 anos, promete fazer jus ao apelido de "Tyson", que ganhou devido aos nocautes sobre os adversários no tempo em que lutava boxe.

"Ele falou besteira, falou que vai me nocautear, mas ele vai sentir minha mão e vai dormir. Na última luta ele pegou um cara menos experiente, eu já sou experiente, ele vai sentir minha mão e vou botar ele pra dormir, pode ter certeza", afirma.

"Dei uma pesquisada nas lutas dele, deu pra estudar o jogo dele um pouco e vamos trabalhar em cima disso. É na curta distância, porque ele tem uma envergadura maior do que a minha. Amanhã vai ser a mesma coisa, vou botar ele pra dormir", completa.

O Jungle Fight 105 terá transmissão ao vivo, a partir das 18h (horário de Brasília), pelo Sportv 3, Canal Combate, Bandsports, TV A Crítica, Jovem Pan Esportes e Pan Flix. Wallid Ismail destacou a importância da visibilidade dada aos atletas.

"Fico feliz em poder continuar dando oportunidade imparcial e visibilidade a esses guerreiros. O guerreiro precisa disso para vencer na vida e nós, do Jungle, damos essa chance. Não basta apenas o lutador lutar, ele precisa que o trabalho seja visto, e não há nenhum outro evento no Brasil que dê o canhão de visibilidade que nós damos."

JUNGLE FIGHT 105
Manaus, AM
Domingo, 13 de fevereiro de 2022

Peso-pena: Caique Costa x Julio Pereira “Tyson de Novo Aripuanã"
Peso médio: Izaque “Lux” x Gabriel “Tyson Noronha”
Peso-galo feminino: Lia Anveres x Kelly Ottoni
Meio-pesado: Fernando Filho x Fábio Moraes do Carmo
Peso-mosca feminino: Erianny Del Carmen x Taynara Farias
Peso médio: Luis Paulo Picanço x Kleyber Mota
Peso-pena: Adenilson “Tigre” x Alexandre Castro
Peso-galo: Sérgio Ribeiro x Maurício Almeida
Peso-mosca: Marcelo Lins Lima x Railson Paixão
Peso-pena: Aldrio Alberth Campos x Joelison Marcos Coutra
Peso-galo: Erick Castro x Geanderson Silva
Peso leve: Isai Ramos x Ariclenes Oliveira
Peso-palha feminino: Cinara Silva x Ashley Cardoso
Peso-mosca: Gilmar Filho x Aluizio “Samurai da Selva”

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários