Leila joga favoritismo para o Chelsea, mas promete que Palmeiras vai lutar pelo título mundial
Lance!
Leila joga favoritismo para o Chelsea, mas promete que Palmeiras vai lutar pelo título mundial


Primeira mulher a assumir a presidência do Palmeiras , e sem ter descendência italiana, Leila Pereira já fez história. Mas agora pode ir além. O duelo contra o Chelsea às 13h30 (de Brasília) de sábado (12), que decide o Mundial de Clubes , será sua primeira final como dirigente, com a chance de conquistar um título inédito para o clube. Entretanto, ela se mostra confiante e faz questão de jogar o favoritismo para os ingleses.

- Estamos disputando o Mundial com o campeão da Liga dos Campeões. É um jogo extremamente difícil, mas já é um grande feito estarmos aqui nesse patamar, disputando o Mundial. O favoritismo pode ser deles, mas estamos aqui, sem dúvida nenhuma, para lutarmos e voltarmos para o Brasil com esse troféu. Todos os nossos torcedores estão extremamente orgulhosos de estarmos aqui.

Sobre a expectativa do primeiro título conquistado por ela na cadeira de presidente ser logo o Mundial, Leila minimizou e enfatizou que sua gestão é uma continuidade do antecessor Maurício Galiotte.

- Não é um começo, nem um fim. É uma continuidade. Fui eleita presidente do Palmeiras para dar continuidade ao trabalho do presidente Galiotte. Nosso objetivo é sempre melhorar a cada dia. É uma honra estar aqui, no topo do futebol mundial, lutando por uma conquista tão grande. Todos nós, palmeirenses, devemos ter profundo orgulho de tudo que é feito no nosso clube. Estou aqui para manter e melhorar. Esse é meu desafio e minha obrigação.

Leila ainda aproveitou a coletiva para enaltecer o trabalho do técnico Abel Ferreira.

- Apoio integralmente as decisões da nossa comissão técnica, porque vejo um trabalho sério, competente, compenetrado de todos os profissionais. Quando me tornei presidente, acompanho, e me impressiona a cada dia.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários