Flamengo vence Audax com Gabigol decisivo em jogo de falhas e primeiros protestos contra Paulo Sousa
Lance!
Flamengo vence Audax com Gabigol decisivo em jogo de falhas e primeiros protestos contra Paulo Sousa


O Flamengo não viveu uma de suas noites mais inspiradas, mas fez o suficiente para sair vitorioso diante do Audax, por 2 a 1, pela 5ª rodada do Campeonato Carioca, nesta quinta-feira. Os gols do confronto no Estádio Raulino de Oliveira foram marcados por Gabigol, Thomás Kayck (contra) e Hugo Sanches. Craque do jogo, Gabi, aliás, ainda fez outro "gol" ao comemorar com um gesto antirracista , pouco depois de Paulo Sousa ouvir as primeiras cobranças das arquibancadas num período de instabilidade rubro-negra.



O Flamengo passa a ter dez pontos no Estadual. O Audax segue com cinco.

> Veja e simule a tabela do Cariocão

MUITOS TESTES DO MISTER

Paulo Sousa manteve a estratégia de realizar testes e dar minutagem a diversos jogadores no elenco. Hoje, iniciou com Isla, Léo Pereira e Filipe Luís na linha de três zagueiros (3-5-2), enquanto Lázaro fez a ala esquerda, por exemplo, com Gabi e Pedro no ataque, municiados ainda por Thiago Maia, Andreas, Arrascaeta e Matheuzinho. A posse sempre foi bem superior, mas houve erros técnicos em excesso.

O time do Mister conseguiu circular a bola com facilidade, ter volume ofensivo, mas vinha dando muitos espaços, inclusive dentro de sua área. O Audax criou oportunidades, fez Hugo trabalhar, acertou a trave, mas foi mesmo o lado mandante quem abriu o placar. E com um golaço.

GOLAÇO 'DUPLO'

A partir do meio do primeiro tempo, Lázaro passou a protagonizar as principais jogadas. Gabi, que já havia perdido boas chances e não conseguira se conectar com Pedro, passou a movimentar pelo lado do camisa 13, e ambos passaram a se entender. Por ali, já perto do intervalo, Gabriel Barbosa recebeu da joia e, mesmo aberto e quase sem ângulo, acertou um chutaço cruzado, por cima: sem chance para o goleiro Max. Na comemoração, outro "golaço": comemorou com um gesto antirracista ao se direcionar às arquibancadas (assista aqui ).

Flamengo x Audax

Lázaro foi um dos destaques do Fla (Foto: Paula Reis / Flamengo)

UMA AJUDA INESPERADA

Na etapa final, o Flamengo voltou ainda instável no sistema defensivo, tanto que o Audax teve as melhores chances no reinício (nenhuma clara). E uma bola parada somada à falha tosca do zagueiro Thomás Kayck, que marcou contra depois de uma falta lateral batida por Andreas. Foi um alívio para um time vitorioso, mas ainda devedor no quesito tático.

'BURRO, BURRO' (JÁ?)

Paulo Sousa ouviu os famigerados gritos de "burro, burro" por algumas vezes de parte da torcida presente no Raulino. A primeira quando o jogo estava para findar a etapa inicial, minutos antes do gol de Gabi, e na primeira leva de alterações (entraram Arão, Cleiton e Marinho; saíram Thiago Maia, Filipe Luís e Arrascaeta). E olha que o trio deixou a desejar em alguns momentos e o técnico ainda está em sua terceira partida.

FALHA ATRÁS E DESCONTO NO PLACAR

O Flamengo continuou alterando suas peças, tentou ser mais agudo com Marinho, mas a equipe seguia exposta atrás. Num vacilo que o levou a ser vaiado, Léo Pereira pecou num domínio, após um "chute" recuado de Arão, e viu a bola sobrar para Hugo Sanches, que a empurrou para a rede. Era um início de um drama que se pintava desnecessário e distante, tanto que a torcida se mostrou impaciente.

FICHA TÉCNICA
Flamengo x Audax - 5ª rodada do Carioca

Estádio: Raulino de Oliveira, em Volta Redonda (RJ)
Data e hora: 10 de fevereiro de 2022, às 19h
Árbitro: Rafael Martins de Sá
Assistentes: Lilian da Silva Fernandes Bruno e Thayse Marques Fonseca
Gramado: irregular
Público/renda: 2.506 pagantes (3.002 presentes) / R$ 92.790,00
Cartões amarelos : Cleiton, Willian Arão (FLA) / Thomás Kayck, Lucas Mota (AUD)
Cartões vermelhos: -

GOLS: Gabigol, 47'/1ºT (1-0); Thomás Kayck (contra), 12'/2ºT (2-0); Hugo Sanches, 28'/2ºT (2-1).

AUDAX RIO (Técnico: Alex Alves)
Max; Lucas Mota, Lucão, Thomás Kayck, Thiagão; Fernando Medeiros, Léo Bueno (Grafite, 18'/2ºT), João Victor; Carlinhos (Anderson Lessa, 18'/2ºT), Misael (Danilo, 13'/2ºT) e Hugo Sanches.

FLAMENGO (Técnico: Paulo Sousa)
Hugo Souza; Isla, Léo Pereira e Filipe Luís (Cleiton, 13'/2ºT); Matheuzinho (Everton Ribeiro, 32'/2ºT), Andreas Pereira; Thiago Maia (Willian Arão, 13'/2ºT), Lázaro e Arrascaeta (Marinho, 13'/2ºT); Gabigol e Pedro (Diego, 41'/2ºT).

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários