Benefícios da chamada 'Nova Fisioterapia' aplicada por Walkyria Fernandes garante longevidade esportiva
Lance!
Benefícios da chamada 'Nova Fisioterapia' aplicada por Walkyria Fernandes garante longevidade esportiva


Hoje é o dia do Atleta Profissional e, ninguém melhor do que um representante da classe para saber quais são as principais “ites” que enfrenta em seu dia a dia de treino. Segundo a fisioterapeuta Walkyria Fernandes, tendinites, bursites e epicondilites são as principais lesões enfrentadas por atletas de alto rendimento.

A boa notícia que tem mudado a vida dos esportistas é que a Fisioterapia tem atuação importante na prevenção dessas lesões e também no tratamento. “Antigamente, a fisioterapia tratava apenas o local da dor e da inflamação, hoje ela evoluiu e os fisioterapeutas capacitados no método de Raciocínio Clínico Avançado têm o conhecimento para avaliar e tratar a causa do problema gerando assim um tratamento mais assertivo e resolutivo”.

Por isso é possível ver atletas competindo aos 40 anos com desempenhos comparáveis aos mais novos. “Como a nova fisioterapia se preocupa em tratar o paciente como um todo e não apenas o local da dor, o fisioterapeuta faz uma avaliação completa e ajusta pontos importantes e muitas vezes a distância do local da dor para promover um reequilíbrio do corpo do atleta”, observa Walkyria Fernandes, professora e mentora de fisioterapeutas e estudantes da área.

O setor está cada vez mais em expansão, sendo mais um motivo de comemoração para os atletas que podem esperar muito mais recursos em nome de seu condicionamento e bem-estar.

“A Fisioterapia está evoluindo a cada dia. As pesquisas científicas também estão nos mostrando qual o melhor caminho a seguir para manter os pacientes com mais qualidade de vida e sem dor. Exercícios são sempre bem-vindos e devem ser realizados com regularidade mas, no caso dos atletas, os intervalos de treino e recovery (descanso entre os treinos) devem ser respeitados e, com certeza, em um futuro próximo, teremos mais tecnologias para acelerar essa recuperação do atleta”, conclui Walkyria Fernandes.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários