Palmeiras tem aprovado desde agosto projeto de modernização de CT da base pedida por Abel
Alexandre Guariglia e Rafael Ribeiro
Palmeiras tem aprovado desde agosto projeto de modernização de CT da base pedida por Abel


Duas falas do técnico Abel Ferreira movimentaram ainda mais as coisas nos bastidores no Palmeiras depois da vitória por 3 a 0 sobre a Ponte Preta na última quarta-feira (26), pelo Campeonato Paulista .


Além de dizer que as revelações da base campeãs da Copa São Paulo de juniores não teriam espaço em um curto tempo no time profissional, o comandante português ainda recomendou que o Verdão pense em vendê-las. E que use o dinheiro para reformar o CT das categorias inferiores, em Guarulhos (SP), a Academia de Futebol 2. Cumprindo, enfim, um plano estabelecido pelo clube há cinco meses.

- Fica aqui o apelo: o clube precisa pegar a próxima venda e fazer um CT novo (para a base), melhorar ainda mais sua infra estrutura. Nós sempre que pudemos damos o campo para eles treinarem, seja grama, ou sintético, sempre que preciso abrimos o nosso espaço. Há uma relação incrível, essa que é a verdade. E o se possível o Palmeiras precisa estar nesse nível de valorização de seus ativos. Tem pessoas muito boas e competentes aqui dentro. Que entendem o que fazem. Mas precisa dar mais esse passo.

Mas o que de fato o treinador quis dizer? Que o clube que mais ganhou títulos na base e usou atletas pratas da casa no time profissional nos últimos anos não tem uma estrutura adequada?

Em partes, sim. E o principal ponto levantado por Abel é o desejo que a reforma e modernização do local de treinamento das crias alviverdes seja enfim iniciada.

Anunciado em agosto, o passo final do Palmeiras para o espaço, às margens da Rodovia Ayrton Senna, prevê a sua transformação definitiva em complexo semelhante ao que existe à disposição dos profissionais, na Academia de Futebol.


O plano do Verdão é construir um alojamento com 132 quartos, refeitório, área de lazer e centro médico especializado, concentrando em um mesmo lugar as equipes do sub-14 ao sub-20.

O projeto prevê também a construção de um estádio com 2 mil lugares, com vestiários modernos, cabine de transmissão e refletores, para sediar partidas das competições de base.

Desde o início de 2020 o Verdão trabalhava na elaboração de um projeto de alojamento. A pandemia atrasou a definição do plano. Na avaliação do departamento de futebol de base do clube, esse é o único ponto que falta.

Atualmente os atleta da base do palmeirense são alojados em apartamentos alugados nas cercanias no Allianz Parque, na zona oeste paulistana. As refeições são feitas no refeitório da arena alviverde, que atende também os funcionários. Por conta disso, não há uma alimentação balanceada apropriada para atletas em formação.

O clube disponibiliza ônibus todos os dias para levar os jovens jogadores até Guarulhos para os treinos. São quase duas horas de deslocamento diário para as atividades. Por isso constantemente Abel libera para a base a estrutura da Academia, a menos de um quilômetro da arena palmeirense. CT da base Palmeiras

(Foto: Reprodução)


Não há prazo para o início das obras porque, como Abel diz, falta principalmente dinheiro. Segundo o LANCE! apurou, a gestão Leila Pereira aguarda para avaliar as contas e eventuais negociações nesta temporada para dar o pontapé inicial da reforma, vista como essencial após o fim do jejum da Copinha e a fala pública do português.

Entretanto, não há pressa. Há o entendimento de que as condição atuais são suficientes. Até porque desde 2005 o Palmeiras realiza constantes reformas nos campos em Guarulhos. Antes o clube tinha o projeto de transformar o espaço em uma espécie de clube de campo para seus associados.

- Era normal remarcar nossos treinos porque ia ter jogo e churrasco de sócio - disse um ex-jogador da base do Verdão nos anos 1990, que prefere não se identificar. A solução quase sempre envolvia o uso de algum campo de várzea de bairros vizinhos, como Lapa e Pirituba.

Já distante daqueles tempos, essa nova mentalidade do Verdão ajudou, e muito, a montar o time que venceu Paulistão, duas Libertadores e uma Copa do Brasil entre 2020 e 2021. Gabriel Menino, Patrick de Paula, Wesley, Gabriel Veron, Danilo e Renan são frutos dessa gloriosa fase do departamento de base palmeirense, que ainda deve render outros nomes como Garcia, Vanderlan, Lucas Freitas, Fabinho, Jhonatan, Giovani, entre outros, principalmente a joia Endrick, com potencial enorme.

Além disso, pela primeira vez na história, o Verdão terminou uma temporada, em 2021, com pelo menos um jogador formado pelo clube em todos os jogos.

Leia Também

CT da base Palmeiras

(Foto: Reprdução)

TABELA

> Veja classificação e simulador do Paulistão-2022 clicando aqui

> Confira o caminho do Verdão no Mundial de Clubes-2022 clicando aqui

> Conheça o aplicativo de resultados do LANCE!
CT da base Palmeiras

Coomo está atualmente o CT da base (Foto: Divulgação/Palmeiras)

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários