Tudo igual! Vasco abre o placar, mas cede o empate ao Boavista pela 2ª rodada do Campeonato Carioca
Felipe Melo
Tudo igual! Vasco abre o placar, mas cede o empate ao Boavista pela 2ª rodada do Campeonato Carioca


O Vasco perdeu a chance de se isolar na liderança do Campeonato Carioca com duas rodadas. O Cruz-Maltino abriu o placar com Raniel, no início do segundo tempo, porém cedeu o empate o Boavista, que balançou a rede com Wandinho. Com o empate por 1 a 1, os donos da casa agora somam quatro pontos e podem ser ultrapassados por Madureira e Bangu, enquanto o Verdão de Saquarema tem dois pontos.

Na próxima rodada, o Vasco volta a jogar na Colina Histórica diante de sua torcida, dessa vez contra o Nova Iguaçu, quarta-feira, às 21h35. No mesmo dia, porém mais cedo, o Boavista visita o Flamengo, às 18h, no Raulino de Oliveira, em Volta Redonda.

Ainda não é assinante do Cariocão-2022? Acesse www.cariocaoplay.com.br , preencha o cadastro e ganhe 5% de desconto com o cupom especial do LANCE!: GE-JK-FF-ZSW

+ Confira e simule a tabela do Campeonato Carioca

VERDÃO ASSUSTA
A partida começou bem disputada no meio de campo com ambas as equipes buscando os espaços. O goleiro Fernando saiu jogando errado com os pés, mas Nene não conseguiu aproveitar a bateu fraco. Na primeira boa chance dos visitante, Matheus Alessandro fez uma boa jogada pela esquerda e obrigou Thiago Rodrigues a espalmar e afastar o perigo.

FERNANDO SALVA
As duas melhores chegadas dos donos da casa no primeiro tempo aconteceram em jogadas de Raniel. Na primeira, o atacante fez o pivô e deixou Weverton em condições de finalizar, mas Fernando defendeu. Logo em seguida, o camsia 9 recebeu na entrada da área, dominou, e bateu forte por cima do gol. No fim, Nene teve a chance em cobrança de falta, mas o arqueiro do Verdão de Saquarema salvou.

PRESSÃO CRUZ-MALTINA
Com outra atitude, o Vasco voltou bem do intervalo e enfileirou chances de abrir o placar. Depois de um lindo corta-luz de Raniel, Gabriel Pec carregou a bola e bateu da entrada área para uma grande defesa de Fernando. No escanteio, Bruno Nazário enche o pé e estremece o travessão do Boavista.

Aos 6, Edimar recebeu pela esquerda e arriscou a finalização de longe. A bola chegou até Gabriel Pec, que tentou alcançar a bola com um carrinho, mas mandou para fora.

​NÃO PERDOA!
A pressão do Gigante da Colina era forte. Com mais intensidade e aproximação entre as linha, os donos da casa tentaram transformar o domínio em gol. Algo que aconteceu aos 9, justamente com o camisa 9. Nene teve liberdade para carregar a bola e dar assistência para Raniel levantar a cabeça e estufar a rede em um chute cruzado.

BOAVISTA EMPATA
Depois de abrir o placar, o Vasco viu o Boavista se lançar a ataque e tentar o empate. Em uma bela jogada, Miguel soltou uma bomba no canto e obrigou Thiago Rodrigues a fazer grande defesa. Aos 38, Galarza falhou na marcação e após um cruzamento na área de Matheus Alessandro, Wandinho completou para o fundo da meta cruz-maltina.

QUASE LÁ!
No fim, o Boavista quase conseguiu a virada, mas parou em Thiago Rodrigues, que novamente fez grande defesa. Em dois lances, o Vasco não conseguiu aproveitar e sair com a vitória. Getúlio soltou a bomba e levou muito perigo ao gol de Fernando. Em outro momento, o Cruz-Maltino conseguiu uma boa jogada depois de uma batida cruzada de Edimar, mas Figueiredo não conseguiu colocar a bola para dentro. Aos 49, Getúlio ainda teve a chance, mas o arqueiro dos visitantes segurou novamente.

FICHA TÉCNICA
VASCO 1X1 BOAVISTA

Data e horário: 29/1/2021, às 21h
Local: Estádio de São Januário, no Rio de Janeiro (RJ)
Árbitro: Rodrigo Carvalhaes de Miranda
Assistentes: Wallace Muller Barros Santos e Guilherme Vogas Tavares
Público pagante: 5.686
Público presente: 5.812
Renda: R$ 139.982,00

Cartões Amarelos: Bruno Nazário, Weverton, Raniel e Nene (VAS) / Matheus Alessandro (BOA)
Cartões Vermelhos:

Gol: Raniel (9'/2T) (1-0) / Wandinho (38'/2T) (1-1)

VASCO (Técnico: Zé Ricardo)
Thiago Rodrigues; Weverton, Ulisses, Anderson Conceição, Edimar; Yuri Lara (Getúlio 25'/2T), Juninho (Matías Galarza 33'/2T), Nene; Gabriel Pec (Isaque 33'/2T), Bruno Nazário (Matheus Barbosa 25'/2T) e Raniel (Figueiredo 37'/2t)

BOAVISTA (Técnico: Leandrão)
Fernando; Wellington Silva (Luiz Felipe 45'/2T), Diogo Rangel, Kadu Fernandes e Bull (Miguel 20'/2T); Marcos Moreira e Ralph (Wandinho 20'/2T), Biel, Marcos Alessandro; Marquinhos (Ryan Guilherme 20'/2T) e Di Maria.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários